XEQUE MATE

Saúde

Bruna Mozer
bruna.pinto@rac.com.br
08/07/2013 às 05:00.
Atualizado em 25/04/2022 às 09:33

Saúde 1

O secretário de Saúde, Carmino Antonio de Souza, esteve mais uma vez em Brasília para buscar saídas para a área, considerada uma das mais problemáticas de Campinas. A conversa com o Ministério da Saúde foi produtiva, mas há questões não muito fáceis de serem resolvidas. Segundo Carmino, a falta de terrenos próprios para receber construções vai ter que ser driblada com agilidade pelo Município, que corre o risco de perder recursos. A implantação de seis “academias de saúde”, por exemplo, já foi reduzida para três.

Saúde 2

Mas Carmino também trouxe boas notícias. O secretário conseguiu fechar um acordo com o ministério para que o Município fique livre do pagamento de contrapartidas exigidas na liberação de verba do governo federal, dando alívio financeiro ao caixa da Prefeitura. A outra saída será a revisão dos projetos para construção de novas unidades de saúde, que estão travadas por falhas técnicas em projetos.

Médicos de fora, não!

Carmino também descartou qualquer possibilidade de trazer para Campinas médicos de fora do País. O programa, que tem sido alvo de críticas da categoria, deve ser lançado hoje pela presidente Dilma Rousseff.

Não precisa mesmo?

Campinas tem sérios problemas na contratação de médicos. No início do mês, o prefeito Jonas Donizette (PSB) anunciou melhor salário, mais benefícios e o fim do déficit de profissionais na rede. Mas, mesmo assim, o que todo mundo quer saber é quanto tempo os novos contratados vão continuar na rede pública.

Respingou no 4º andar

Os protestos que transformaram o Campo Belo em um campo de guerra na última semana respingaram no 4 andar do Palácio dos Jequitibás. Jonas entrou em cena, foi até o bairro no último sábado e acompanhou um mutirão de limpeza que estava sendo realizado pela Prefeitura. Não dá para negar, tampouco ignorar, a situação dramática em que vive a população do Campo Belo. Falta de tudo: asfalto, rede de esgoto, posto de saúde. As manifestações são legítimas.

A solução é aqui

Também não vai dar para o prefeito passar a “batata quente” daquela região para o governo do Estado ou para o governo federal. A solução terá de partir da Prefeitura e e Jonas sabe disso. Tanto que propôs a criação de uma espécie de subprefeitura no Campo Belo para que a Administração fique mais próxima das demandas locais. A proposta é que a unidade comece a funcionar ano que vem. Resta saber se haverá dinheiro para resolver tanto problema por lá.

Reforma política

O PT já começou articulações nos diretórios locais para levar a reforma política, uma de suas bandeiras, para discussão e fortalecer a proposta que tenta ser emplacada pela presidente Dilma Rousseff. Em Campinas, um debate foi realizado na sexta-feira, com a presença do deputado federal petista Ricardo Berzoini. A proposta é criar um comitê para viabilizar o debate na cidade. O partido também tenta fortalecer o plebiscito, que não foi tão bem recebido no Congresso.

A farra na FAB

O governo federal decidiu divulgar na internet informações sobre o uso de aeronaves oficiais depois que políticos utilizaram aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) para ir a uma festa na Bahia e ao jogo da Seleção Brasileira no Rio — levando junto parentes. A decisão de dar transparência vale apenas para o Executivo. Hoje, nenhum detalhe das viagens em aviões oficiais é público. A partir de agora, o nome de quem solicitou o avião da FAB, número de passageiros, dia, hora e destino e motivo da viagem deverão ser divulgados.

Assuntos Relacionados
Compartilhar
Anuncie
(19) 3736-3085
comercial@rac.com.br
Fale Conosco
(19) 3772-8000
Central do Assinante
(19) 3736-3200
WhatsApp
(19) 9 9998-9902
Correio Popular© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por