ESTÉTICA

A preferência pela harmonização facial

Técnicas e procedimentos para a correção de pequenas imperfeições e o rejuvenescimento dos traços e da pele seguem em alta

Da Redação
26/04/2022 às 15:05.
Atualizado em 26/04/2022 às 15:05

Camila Dutra, que se especializou em Harvard, reforça que os tratamentos estéticos, tanto dentários quanto de harmonização facial, podem beneficiar homens e mulheres (Divulgação)

A busca pela beleza facial é crescente no Brasil. Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a procura por procedimentos estéticos não cirúrgicos aumentou 390% nos últimos anos. Na internet, a tendência se confirma. Somente em 2020, as pesquisas pelo termo “harmonização facial” cresceram 540% no Google Trends, ferramenta que monitora as tendências.

Como explica a dentista Camila Dutra, a harmonização facial compreende diversas técnicas e procedimentos que, como o próprio nome indica, dão um aspecto mais harmônico ao rosto. Além disso, a harmonização funciona como uma moldura para o sorriso e os tratamentos estéticos, como lentes de contato dental em porcelana, também vêm crescendo, e não é à toa que a procura segue em alta. O principal benefício desses procedimentos é devolver a autoestima aos pacientes. “Muitas pessoas passam anos com medo de sorrir, evitando convívio social, com receio de entrevistas de emprego e dificuldades em relacionamentos amorosos. O sorriso é, antes de tudo, um grande símbolo de felicidade e como de costume, nosso cartão de visitas”, afirma. Ela conta que, por isso, é rotina em sua clínica associar o estabelecimento da saúde bucal com a estética. “Um sorriso bonito também é motivação para o paciente continuar se cuidando”, completa.

A especialista ressalta que a odontologia, de maneira geral, é uma ciência extremamente dinâmica e a todo momento surgem novos tratamentos, produtos e tecnologias.  Com a estética, essas mudanças são ainda mais aceleradas. “No caso da harmonização, existem diversas alternativas usadas de maneira isolada ou em conjunto, como toxina botulínica, ácido hialurônico, lipo enzimática de papada, bioestimulador de colágeno e protocolos de hidratação profunda da pele, entre outros”, diz.

Tratamentos corretos para resultados naturais

Com a evolução dos tratamentos, cada vez mais pessoas se interessam por eles. Camila Dutra, que se especializou em Harvard, reforça que os tratamentos estéticos, tanto dentários quanto de harmonização facial, podem beneficiar homens e mulheres jovens, adultos e pessoas da terceira idade. “As pessoas estão cada vez mais vaidosas e nunca é tarde para se cuidar. Mas, vale ressaltar a importância de uma avaliação criteriosa do profissional e de alinhamento de expectativas com o paciente para um tratamento individualizado”, alerta.

Em relação aos resultados, ela esclarece que é fundamental prezar pela naturalidade. “Ao contrário do que as pessoas pensam, a estética facial não deve se basear na transformação total do rosto, mas sim na correção de pequenas imperfeições, respeito da individualidade e rejuvenescimento dos traços e da pele”, diz.

A evolução da ortodontia

A ortodontia também evoluiu e favorece aqueles que buscam a beleza do rosto. Camila Dutra reforça que a ortodontia não serve apenas para alinhar os dentes e deixar o sorriso mais estético, apesar de esse ser um benefício incrível. “O tratamento ortodôntico corrige também a relação entre os dentes e a mordida, devolvendo qualidade de mastigação, qualidade de vida, além de prevenção de problemas mais graves como a perda de dentes”, diz.

Segundo ela, com as novas tecnologias é possível escolher um tipo de tratamento ortodôntico que se adapte ao estilo de vida de cada um. “Desde aparelhos fixos convencionais e estéticos, até os alinhadores removíveis transparentes. Hoje em dia os tratamentos são mais rápidos e confortáveis”, completa. 

Assuntos Relacionados
Compartilhar
Anuncie
(19) 3736-3085
comercial@rac.com.br
Fale Conosco
(19) 3772-8000
Central do Assinante
(19) 3736-3200
WhatsApp
(19) 9 9998-9902
Correio Popular© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por