Publicado 23 de Julho de 2021 - 20h58

Por Do Correio Popular

Salvador Pinheiro e Susylene fazem parte da equipe médica do hospital da PUCC

Divulgação

Salvador Pinheiro e Susylene fazem parte da equipe médica do hospital da PUCC

O Hospital PUC-Campinas é o primeiro do Interior do Estado de São Paulo a receber o selo de Centro de Excelência em Cirurgia Bariátrica e Metabólica para convênios privados e atendimento particular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM). “Para o Hospital é um reconhecimento de todo trabalho realizado nos últimos anos, ainda mais durante esta pandemia. Parabenizo todos os esforços da equipe da Cirurgia Bariátrica por oferecer este atendimento de qualidade e referência aos pacientes”, ressalta o superintendente do Hospital PUC-Campinas, Antônio Celso de Moraes.

Nos anos de 2018, 2019 e 2020, o Hospital realizou 334, 523, 366 cirurgias, respectivamente, pelos convênios privados e particular. No último ano, houve um impacto em decorrência da pandemia, mas, ainda assim, os resultados foram positivos. Até maio de 2021, já foram realizadas 118 cirurgias. “A certificação trouxe o diferencial no trabalho multiprofissional, que busca eficiência nos processos e melhor resultado para nossos pacientes”, evidencia a diretora de Enfermagem, Ana Luiza Meres.

A certificação fornecida pela World Medical Accreditation (WMA) é de uma certificadora especializada na área médica. O objetivo da WMA é operacionalizar o processo de solicitação, auditoria e elegibilidade de Certificação e Acreditação homologadas e reconhecidas por sociedades de diferentes especialidades médicas. Segundo a SBCBM a Certificação é o processo que afere e comprova a adoção de padrões de qualidade por parte dos médicos e profissionais de saúde, o que assegura a excelência nos procedimentos realizados, gera segurança e confiança para os pacientes. “O selo de excelência contribui para a evolução do atendimento de qualidade”, destaca a diretora técnica, Rita Ishida.

A certificação possui requisitos e critérios gerais para várias áreas, aplicados a qualquer tipo de organização. De acordo com o cirurgião Hercio Cunha, “esta certificação é resultado de um trabalho que só foi possível devido a atuação de toda uma equipe multidisciplinar composta por médicos, equipe de enfermagem, nutricionistas, fisioterapeutas, psicólogos, farmacêuticos e de toda a estrutura hospitalar”.

Entre as vantagens da Certificação estão o aperfeiçoamento profissional, elevação dos padrões de treinamento profissional, entre outros. “Qualifica o hospital com o padrão de qualidade em tratamento para obesidade mórbida por meio da cirurgia bariátrica”, ressalta o cirurgião, Salvador Pinheiro. Demonstra que as instituições seguem padrões estabelecidos de boas práticas para atendimento de pacientes com obesidade mórbida, que é o caso dos que passam pela cirurgia bariátrica.

O diretor clínico do hospital, Carlos Mattos enfatiza que “a certificação faz com que a Instituição zele cada vez mais pela segurança e protocolos do paciente para os resultados serem ainda melhores”.

Para o cirurgião Alceu Beani “promove um ambiente com rigor técnico, humanizado e preocupado com o tratamento da pessoa que nos procura”. Compõem a equipe de cirurgiões do Hospital, Hercio Cunha, Rafael Meneguzzi, Michel Castilho, Ricardo Sugahara, Salvador Pinheiro e Alceu Beani.

Escrito por:

Do Correio Popular