Publicado 10 de Agosto de 2021 - 21h40

Por Lucas Rossafa/ Correio Popular

Recuperado de uma lombalgia, o centroavante Rodrigão está confirmado no comando de ataque da Ponte

Divulgação

Recuperado de uma lombalgia, o centroavante Rodrigão está confirmado no comando de ataque da Ponte

Em clima festivo, a Ponte Preta entra em campo nesta quarta-feira à noite com missão de transformar o aniversário de 121 anos em uma data mais do que especial.

Na luta contra a zona de rebaixamento na Série B do Campeonato Brasileiro, a Macaca, hoje mais velha, mede forças com o Londrina, a partir das 19h, no Estádio Moisés Lucarelli, em duelo válido pela 17ª rodada, com obrigação da vitória.

Na 18ª colocação com apenas 13 pontos, a Alvinegra tem confronto direto com o Tubarão, atual vice lanterna e com o mesmo número de tentos, o que representa uma oportunidade de ouro para afundar um rival direto e, consequentemente, ganhar fôlego na briga por permanência.

Com apenas dois treinamentos desde retorno do Rio de Janeiro, Gilson Kleina tem escalação cheia de pontos de interrogação em todos os setores para o próximo desafio.

De volta após cumprir suspensão contra o Botafogo, Cleylton fica à disposição e disputa titularidade com Rayan para atuar ao lado de Fábio Sanches. Rayan e Fábio, aliás, apresentaram boa performance na capital carioca, mas podem não receber nova chance desde o início.

O retorno de Léo Naldi após quase dois meses por cirurgia no joelho direito para corrigir lesão no menisco pode ser fatal para Vini Locatelli. Sem convencer e contestado pela torcida, camisa 8 tem vaga ameaçada no tripé composto por André Luiz e Camilo, cuja missão principal é armar jogadas.

No sistema ofensivo, onde Moisés é o único nome unânime, há possibilidade de duas mudanças de uma vez só.

É praticamente certo que Josiel, apagado na última rodada, será preterido por Rodrigão. O centroavante, vetado da viagem à capital carioca por lombalgia, treinou em campo sem limitações ontem e deve recuperar posição, enquanto Niltinho é cotado para assumir vaga de Richard na ponta direita.

As possíveis alterações estudadas pela comissão técnica do meio para frente têm como objetivo encontrar um esqueleto ideal entre os titulares para disputa e tirar de cena as peças com desempenho técnico recente negativo.

Finais

Após dois compromissos como visitante, a Ponte Preta abre sequência dentro do Majestoso na Série B.

De volta para casa, Macaca tem dois embates diretos na luta contra a zona de rebaixamento no intervalo de quatro dias.

Depois do Londrina, clube campineiro desafia o Confiança, embalado por goleada em cima do líder Náutico, em Recife, no sábado, 14 de agosto, às 16h30.

"A gente quer fazer as vitórias para sair dessa situação. Eu sempre falo isso na coletiva. Nós temos tem que minimizar os erros. É tratar como decisões esses dois confrontos. São duas sequências de jogos dentro de casa. Temos que ser uma equipe com espírito competitivo e organizada", disse Kleina.

Adversário

Sem vencer há duas rodadas, Londrina chega em Campinas com meta de pontuar no confronto direto contra a Ponte Preta.

Insatisfeito com o que viu na derrota diante do CRB, Márcio Fernandes deve promover mudanças por atacado no Tubarão, atual vice-lanterna. O principal desfalque é o volante e capitão Tárik, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O meio-campista Marcelo Freitas segue entre ao Departamento Médico, bem como Mossoró, Marcel, Juan Matos e Victor Daniel, todos fora de combate.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA X LONDRINA

PONTE PRETA:

Ivan; Kevin, Cleylton (Rayan), Fábio Sanches e Felipe Albuquerque; André Luiz, Vini Locatelli (Léo Naldi) e Camilo; Niltinho, Moisés e Rodrigão.

Técnico: Gilson Kleina

LONDRINA:

Cesar; Luan, Saimon, Lucão e Felipe; Matheus Bianqui, Pedro Cacho e Gegê; Lucas Lourenço, Marcelinho e Alisson Safira.

Técnico: Márcio Fernandes

Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)

Escrito por:

Lucas Rossafa/ Correio Popular