Publicado 19 de Dezembro de 2021 - 19h39

Por Estadão Conteúdo

Elif Elmas recebeu dentro da área e cabeceou Maignan, à queima-roupa do goleiro

Divulgação

Elif Elmas recebeu dentro da área e cabeceou Maignan, à queima-roupa do goleiro

O Milan voltou a ser surpreendido no Campeonato Italiano. O clube rossonero perdeu o duelo direto na briga pela liderança diante do Napoli por 1 a 0, em jogo realizado no fim da tarde deste domingo, no San Siro, em Milão, pela 18ª rodada.

A derrota fez o Milan perder mais uma colocação na tabela. Agora, ocupa a terceira posição, com os mesmos 39 pontos do Napoli. Por ter vantagem nos critérios de desempate, o time de Nápoles assumiu a segunda colocação da classificação.

Além de cair para terceiro, o Milan viu a Inter de Milão abrir quatro pontos na liderança do Italiano ao derrotar o Salernitana, na última sexta-feira, por 5 a 0.

Em campo, o Napoli não deixou o Milan respirar e abriu o placar logo aos cinco minutos. Elif Elmas recebeu dentro da área e cabeceou Maignan, à queima-roupa do goleiro, para fazer 1 a 0. A resposta foi com Ibrahimovic, mas o sueco não estava com a pontaria em dia e desperdiçou boas oportunidades de empatar. Quando buscou o ângulo, parou em grande defesa do goleiro David Ospina.

À frente no marcador, o Napoli apostou em uma tática mais defensiva e chamou o Milan para o ataque. O time da casa pressionou de todas as maneiras e ainda teve um gol anulado pelo VAR já nos acréscimos. O árbitro pegou impedimento de Franck Kessie e anulou o lance.

Quem também venceu neste domingo foi o Torino, que ganhou três posições na tabela e subiu para a décima colocação, com 25 pontos, ao bater o Verona (23) por 1 a 0.

Os demais jogos terminaram empatados. A Sampdoria ficou no 1 a 1 com o Venezia, em duelo do meio da tabela, mesmo resultado de Spezia e Empoli. Já a Fiorentina perdeu a oportunidade de encostar no G-4 ao ficar no 2 a 2 com o Sassuolo.

Escrito por:

Estadão Conteúdo