Publicado 12 de Setembro de 2021 - 10h31

Por Lucas Rossafa/ Correio Popular

Bruno Sávio e Régis lideram as principais estatísticas ofensivas do Guarani nesta temporada

Thomaz Marostegan/Guarani FC

Bruno Sávio e Régis lideram as principais estatísticas ofensivas do Guarani nesta temporada

Bruno Sávio e Régis lideram as principais estatísticas ofensivas do Guarani nesta temporada. Entre Campeonato Paulista e Série B do Campeonato Brasileiro, atacante e meio-campista dividem a liderança no ranking de gols e assistências.

Ambos os jogadores, titulares absolutos e protagonistas especialmente sob comando de Daniel Paulista na segunda divisão nacional, contabilizam oito bolas na rede e seis passes decisivos cada até o momento pelo Alviverde, cujo desempenho é altamente satisfatório e surpreendente.

Escalado pela ponta direita ou até na função de centroavante, Sávio balançou as redes nos duelos contra São Paulo, Operário, Cruzeiro (2), Brusque, Londrina, Brasil de Pelotas e Náutico - destes, apenas um foi originado em cobrança de pênalti, além de dois de cabeça.

Com 28 jogos disputados a partir de 1º de março, Bruno também atacou de garçom nos tentos feitos por Andrigo (Santo André), Júlio César (Novorizontino), Allan Victor (Vila Nova), Bidu (Brasil de Pelotas), Allan Victor (Avaí) e Régis (CSA).

Régis, por sua vez, é o maior destaque individual do Bugre em toda a Série B.

Cotado para ser o melhor atleta do torneio, armador deixou a marca nos compromissos frente Operário, Náutico, Ponte Preta, Cruzeiro, Brusque (2), Confiança e CSA, sendo decisivo na conquista de pontos.

Em ação por 22 confrontos dos 36 disputados pelo Guarani nesta temporada, o camisa 78 ainda ajudou com assistências para Davó (Ponte Preta), Bruno Sávio (Cruzeiro - duas vezes), Bruno Sávio (Londrina), Ronaldo Alves (CRB) e Davó (Confiança).

“O Régis é um atleta que ficou em torno de um mês sem trabalhar e lesionado. Está voltando agora e ganhando ritmo. Jogou um pouco mais de minutagem contra o CSA e acredito que, agora com mais essa semana que teremos de trabalho, vai evoluir também na sua condição física. Nós teremos, acredito, a grande quantidade dos nossos atletas à disposição para próxima partida”, pontuou o técnico Daniel Paulista, em entrevista coletiva.

Em bolas na rede, o ranking do plantel alviverde também apresenta Andrigo (5), Allan Victor (3), Bidu (3), Davó (3), Júlio César (3) e Lucão do Break (3).

Nas assistências, aparecem logo abaixo como garçons: Davó (5), Bidu (3), Júlio César (3), Andrigo (2) e Diogo Mateus (2).

Certeza?

Embora Bruno Sávio e Régis sejam intocáveis entre os 11 do Guarani, Daniel Paulista cravou não trabalhar com titulares e reservas no elenco.

A ideia do treinador é manter todos os atletas do Bugre em condições de igualdade no que diz respeito à parte técnica, tática e física.

O comandante, inclusive, garantiu não ter preferência por nenhum dos nomes à disposição no miolo defensivo.

“Eu não trabalho com essa questão de titularidade. A gente trabalha o grupo e todos os atletas de uma forma igualitária”, afirmou.

Escrito por:

Lucas Rossafa/ Correio Popular