Publicado 20 de Agosto de 2021 - 11h20

Por Da Redação do Correio Popular

Filó Machado e Felipe: música brasileira da melhor qualidade no sangue

Marco Aurélio Olimpio

Filó Machado e Felipe: música brasileira da melhor qualidade no sangue

A Orquestra Anelo, grupo instrumental pertencente ao Instituto Anelo, de Campinas (SP), lança amanhã, às 17 horas, o vídeo com a música Forró na Vovó, de Filó Machado. A gravação conta com a participação do próprio compositor e de seu neto, o cantor e instrumentista Felipe Machado, com estreia simultânea no Facebook, Instagram e YouTube. Aos 70 anos de idade (completados em 2021) e 60 de carreira (iniciada aos 10 anos como músico de bandas de baile), Filó Machado figura entre os mais importantes nomes do cenário musical brasileiro e internacional. Seu currículo inclui trabalhos ao lado de nomes como o francês Michel Legrand, o brasileiríssimo Hermeto Pascoal, o norte-americano John Patitucci e a cantora Gal Costa.

Segundo o regente da Orquestra Anelo, Guilherme Ribeiro, a ideia de convidar Filó Machado para gravar com o grupo surgiu durante uma conversa com o fundador e coordenador geral do Instituto Anelo, Luccas Soares - ambos são admiradores do trabalho do músico. “Eu cheguei a tocar com ele. Gosto muito das composições e do jeito de tocar do Filó”, conta Guilherme. Depois dessa conversa, ele entrou em contato com o artista, formalizou o convite e pediu sugestões de músicas para a gravação. Da lista enviada pelo compositor, Guilherme escolheu Forró na Vovó, faixa que faz parte do disco Ubida, lançado por Filó em 2009. O tema ganhou um novo arranjo, feito por Guilherme, e originalmente previa a participação de dois solistas, no caso, Gê Ribeiro, primeiro trompetista da Orquestra, e o próprio Filó. Porém, Guilherme revela que foi surpreendido positivamente com a participação pra lá de especial de Felipe Machado, neto de Filó, um jovem talento que iniciou a carreira aos 6 anos de idade no musical A Bela e a Fera.

Filó e Felipe

Cantor, compositor, multi-instrumentista, arranjador e produtor, Filó Machado nasceu em Ribeirão Preto (SP). Com 60 anos de carreira, 13 discos gravados e uma indicação ao Grammy Latin Jazz, trabalhou com importantes nomes da música brasileira e internacional,tendo se apresentado em espaços e eventos icônicos como o Carnegie Hall, em Nova York, e o Toronto Jazz Festival, no Canadá.

Entre os artistas com os quais atuou estão os já citados pianista, compositor e arranjador francês Michel Legrand (1932-2019), guitarrista de jazz norte-americano John Patitucci, o cantor de jazz norte-americano Jon Hendricks (1921-2017); o guitarrista de jazz francês Sylvain Luc; o baixista japonês Tetsuo Sakurai; e os brasileiros Dori Caymmi, João Donato, Raul de Souza, Leny Andrade e Arismar do Espírito Santo.

Como educador, percorreu dezenas de escolas durante os anos 1970, 1980 e 1990. Nos últimos 15 anos, tem realizado oficinas e masterclasses em universidades e conservatórios do Brasil e do exterior, tais como Berklee College of Music (Boston, nos Estados Unidos), At Kings College (Londres, Inglaterra), Universidade Nacional de Brasília (UNB), EMESP Tom Jobim - Escola de Música do Estado de São Paulo e o Conservatório Dramático e Musical Dr. Carlos de Campos (Tatuí).

Felipe Machado é cantor, compositor e instrumentista. iniciou sua carreira aos 6 anos de idade no musical A Bela e a Fera. Ele também atuou em mais dois espetáculos do gênero: Daniel 30 Anos, o Musical, no qual interpretou o cantor Daniel quando criança, e Hoje é Dia de Maria - o Musical, no papel do menino bóia fria e também como violonista. Participou de programas de televisão como Sr. Brasil e Ensaio, da TV Cultura, e The Voice Kids Brasil, da TV Globo, na edição de 2018 (chegou até a terceira fase do reality show). Atualmente estuda no Conservatório Souza Lima, em São Paulo, e pratica violão, harmonia e improvisação vocal com o avô, seu parceiro de lives e workshops realizados durante a pandemia.

Vídeo Forró na Vovó, de Filó Machado, com Orquestra Anelo | Estreia: amanhã, às 17h

Onde: Facebook (facebook.com/institutoanelo), Instagram (@institutoanelo) e YouTube (youtube.com/institutoanelooficial)

Escrito por:

Da Redação do Correio Popular