Publicado 22 de Outubro de 2021 - 8h43

Por Luiz Roberto Saviani Rey/ Diretor editorial do Correio Popular

Campinas poderá ingressar em 2022 com o início de uma ampla reconfiguração de sua região central. A reunião em nível federal realizada na quarta-feira, no Salão Azul da Prefeitura, sob a coordenação do prefeito Dário Saadi, indicou a abertura do diálogo para a liberação urgente de áreas da União no complexo ferroviário da extinta Companhia Paulista de Estradas de Ferro, para o projeto da Prefeitura de construção de um parque linear e de uma ampla estrutura imobiliária, com edifícios e hotelaria.

DESTRAVA CAMPINAS 2

Projeto elencado como prioritário no programa de governo de Dário Saadi, as obras previstas para o “Pátio Ferroviário”, no flanco da avenida Sales de Oliveira, não apenas trarão recursos aos cofres da Prefeitura, como irão permitir o destravamento do Centro de Campinas, como a revitalização da avenida Campos Sales e a recuperação de grandes áreas deterioradas no entorno da região central, como Aquidabã, Penido Burnier e do BRT.

FRASE

"Podemos dar grandes passos para lidar com a crise climática.”

Antony Blinken, secretário de Estado dos Estados Unidos

ORÇAMENTO PÚBLICO

A Câmara Municipal promove audiência pública na noite da próxima terça-feira, 26, e na quarta-feira, 27, pela manhã, para abrir à discussão com a sociedade sobre o Orçamento Municipal do exercício de 2022, de R$ 7,13 bilhões.

CRISE CONTINUADA

Após o fechamento do relatório da CPI da Covid, uma nova crise já está nos ares de Brasília. Os olhos do país se voltam agora para a figura de Augusto Aras, o procurador-geral da República, a quem compete dar andamento ou arquivar os indiciamentos contra Bolsonaro.

CRISE CONTINUADA2

Os senadores que compõem a CPI já discutem um pedido de impeachment de Aras, caso ele opte pelo arquivamento.

DEBANDADA FISCAL

A crise provocada pelo estouro do teto de gastos provocou ontem a demissão de dois secretários dos mais destacados na estrutura do Ministério da Economia. Nos meios econômicos, o auxílio de R$ 400 causará impactos negativos no Orçamento da União.

DEBANDADA FISCAL 2

Não deve ter sido por questões pessoais, como alegaram em nota, que Bruno Funchal, secretário especial do Tesouro e Orçamento, e Jefferson Bittencourt, secretário do Tesouro Nacional, despediram-se.

**********

Saiu também a secretárias especial adjunta do Tesouro, Gildenora Dantas.

GUEDES BALANÇA

Na visão de políticos e de investidores mais conservadores, apesar de favorecer os arroubos populistas e Bolsonaro, Guedes isolou-se dos meios econômicos e pode perder apoio para prosseguir no Ministério.

GUDES BALANÇA 2

A expectativa dos investidores e da Bolsa era no sentido de que Bolsonaro, em lugar de permitir o estouto do teto, promovesse cortes profundos nos gastos do governo.

**********

E Bolsonaro promete ainda “auxílio diesel” a 750 mil caminhoneiros...

PACTO AMAZÔNICO

O secretário de Estado, Antony Blinken, anunciou nesta quinta-feira (21), na Colômbia, que os Estados Unidos irão lançar um amplo pacto regional (entenda-se América do Sul) para proteger e reduzir o desmatamento em toda a Amazônia. O objetivo é mitigar os efeitos do aquecimento global.

ANTIDEMOCRÁTICOS

Enquanto Alexandre de Moraes, ministro do STF, determina a extradição e prisão do blogueiro Allan dos Santos, por difusão de fake news, o STF firma maioria para manter preso o caminhoneiro Zé Trovão.

Escrito por:

Luiz Roberto Saviani Rey/ Diretor editorial do Correio Popular