Publicado 12 de Junho de 2021 - 12h26

Por Luiz Roberto Saviani Rey/Correio Popular

A confirmar: a Secretaria de Governo, em Brasília, incluiu em sua agenda da próxima sexta-feira, 18, o deslocamento do presidente Jair Bolsonaro a São Paulo, com previsão de passagem por Campinas, para cumprimento de uma série de visitas e de contatos políticos. Bolsonaro terá presença na inauguração da ETA Boa Vista, da Sanasa-Campinas. A recepção vem sendo preparada desde a quinta-feira. No início da próxima semana, equipe precursora estará na cidade em preparação à vinda do presidente.

BOLSONARO NA CIDADE 2

No final da tarde de ontem surgiram dúvidas sobre o destino de Bolsonaro, após seu embarque em Vitória, no Espírito Santo, para um provável voo a Campinas. O presidente enfrentou vaias de opositores no avião. Ele teria pernoitado na cidade, seguindo para a capital. Entre a manhã e a tarde de hoje, ele lidera motociata com simpatizantes por ruas e avenidas de São Paulo. O roteiro prevê rodagem na Bandeirantes até Jundiaí. Seis mil policiais foram destacados para o evento.

FRASE

"A máscara deve ser a última a cair" (Claudio Maierovitch, ex-presidente da Anvisa)

ZILDA ARNS

Por iniciativa do Padre Luiz Roberto Teixeira Di Lascio, Campinas prestará significativa homenagem à médica pediatra e fundadora da Pastoral da Criança, Zilda Arns.

ZILDA ARNS 2

A Assembleia Legislativa acaba de incorporar à pauta de votações projeto de lei solicitado pelo padre Di Lascio para que seja denominado “Zilda Arns” o complexo viário dos Amarais, junto ao km 143 da Via Dom Pedro, onde estão bairros como São Marcos, Santa Mônica, Jardim Campineiro e bairro dos Amarais.

 ZILDA ARNS 3

Zilda Arns Neumann era irmã do cardeal Dom Paulo Evaristo Arns, ex-arcebispo emérito de Sâo Paulo. Ela morreu em 12 de janeiro de 2010, soterrada no templo Sacre Coeur, destruído por terremoto que assolou Porto Príncipe, no Haiti. “Dona Zilda viveu a serviço da caridade, é a guerreira da caridade”, afirma o padre Di Lascio.

VOTO DE PAPEL

A postura de parlamentares da comissão que analisa o tema é indicativo de que o brasileiro terá de depositar seu voto no modelo impresso nas urnas, em 2022.

VOTO DE PAPEL 2

Consulta na Câmara indica que há maioria para aprovar o voto impresso. Dos 32 deputados do colegiado que analisa a matéria, 21 manifestaram-se favoráveis.

LAUDÊMIO

Bolsonaro anunciou esta semana que irá acabar com a famigerada taxa de laudêmio, cobrada de proprietários de imóveis em cidades litorâneas. O Ministério da Economia estima que 600 mil imóveis serão isentados.

FIGURANTES

Duas figuras pontificaram nos depoimentos da CPI da Covid nesta sexta-feira: a bióloga Natalia Pasternak e o ex-presidente da Anvisa, Claudio Maierovitch.

FIGURANTES 2

Maierovitch bateu forte: “Sem ação do estado, não haverá combate à pandemia”. Pasternak assegurou: “Já testamos a cloroquina em animais e em humanos, e não funciona”.

BOM DIA, CORREIO

O governador João Doria disse ao repórter Gilson Rei, durante sua visita à região, que é leitor assíduo e que aprecia o Correio Popular: “Leio todos os dias”.

Escrito por:

Luiz Roberto Saviani Rey/Correio Popular