Publicado 03 de Junho de 2021 - 9h35

Por Luiz Roberto Saviani Rey/Correio Popular

Gabriel Rapassi é o novo diretor de Cultura no governo de Dário Saadi. Cientista político, especialista em gestão pública, entre outras qualidades, é nome difundido e respeitado nos meios culturais da cidade. Já ocupou esse cargo em Campinas, e vinha respondendo pela mesma função na prefeitura de Santo André, governada pelo prefeito Paulo Serra, do PSDB. Foi assessor político do ex-vereador Sérgio Benassi e desfruta de trânsito entre as mais diversas áreas administrativas, políticas e culturais.

Fôlego, ação e expectativa

A nomeação de Alexandra Caprioli para a Cultura caiu bem tanto no segmento cultural como nos meios turísticos e hoteleiros da cidade. A junção de duas áreas agregadas foi saudada como positiva e gerou grandes expectativas em torno de novos projetos integrados. Em dificuldades por conta da pandemia, esses segmentos esperam mudanças radicais para o segundo semestre. Ontem, a nova secretária iniciou seus contatos com setores culturais e turísticos.

"O Brasil segue na vanguarda da estupidez mundial” (Luana Araújo, infectologista, na CPI da Covid nesta quarta-feira)

HOMAGE

Pessoal da Secretaria de Cultura promoveu ontem homenagem, com entrega de buquês de flores, a Marianne Bockelmann, que vinha respondendo pela área, e que assume a agora a diretoria adninistrativa da pasta.

HOMAGE 2

Ao mesmo tempo, os servidores recepcionaram a nova diretora, Alexandra Caprioli, que não esperou nem um dia para arregaçar as mangas e começar a trabalhar. A pasta estava sem titular há dois meses.

******

O Correio Popular cobrou dinâmica e ação por meio de reportagens sobre o descaso na Cultura.

VELHO MERCADO

Comerciantes, frequentadores e fregueses dos boxes do Mercadão Municipal esperam e cobram a reforma prometida nos cem dias de Dário Saadi. Mesmo com o isolamento e as medidas protetivas da pandemia, há acúmulo de público e espaços precários. Há verba empenhada.

MIRABOLANTE

O Plano de João Doria de vacinar todos os adultos paulistas até outubro é visto nos meios científicos e políticos como balela, e, também, como tentativa de valorização eleitoral.

PASSA BOI

Ricardo Salles, do Meio Ambiente, prepara defesa para sustentar perante o STF. Com o inquérito aberto pela ministra Cármen Lúcia, Salles começa a contabilizar as boiadas que deixou passar.

FARPAS E CUTUCADAS

Em seu pronunciamento de ontem à noite, Bolsonaro falou de vacinação, de obras do governo, de crescimento do PIB. Não deixou, porém de dar cotovelada nos governadores, ao afirmar que “Nosso governo não obrigou ninguém a ficar em casa, não obrigou ninguém a fechar o comércio...”

PATRIOTADA

A encrenca levantada pela direção nacional do partido Patriota, por conta de eventual filiação do presidente Jair Bolsonaro, terá que ser resolvida internamente, ou pela interferência de esferas da justiça comum.

PATRIOTADA 2

O ministro Edson Fachin, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou provimento a pedido do partido contra a filiação do presidente.

CONTAS APROVADAS

A Câmara Municipal de Sumaré aprovou as contas do prefeito Luiz Dalben, relativas ao exercício de 2018.

CULTURAL

Jorge Alves de Lima, advogado, escritor e presidente da Academia Campinense de Letras, saudou com entusiasmo a indicação de Alexandra Caprioli para a Secretaria de Cultura. Espera grandes projetos para a área.

Escrito por:

Luiz Roberto Saviani Rey/Correio Popular