Publicado 12 de Janeiro de 2022 - 8h55

Por Ângelo Barioni/ Correio Popular

Na rodada tripla de outubro, Tite chamou 25 nomes, sendo sete jogadores de frente

Lucas Figueiredo/CBF

Na rodada tripla de outubro, Tite chamou 25 nomes, sendo sete jogadores de frente

A seleção brasileira já está classificada para a Copa, mas o técnico Tite quer aproveitar os últimos jogos para testar atletas e formações. O Brasil terá nove jogos ao todo até a convocação final para a Copa do Mundo. Os dois primeiros compromissos são diante do Equador - em Quito, no dia 27 de janeiro - e Paraguai - no Mineirão, em 1º de fevereiro. Em março, ocorrerão os últimos jogos das Eliminatórias. Em junho e setembro, a seleção realizará amistosos preparativos para o Mundial, que será disputado em novembro e dezembro.

Convocação 2

De olho em novas oportunidades, alguns jogadores do futebol brasileiro seguiram treinando durante as férias para chamar a atenção da comissão técnica da seleção.

Nas últimas convocações de 2021, Tite evitou chamar jogadores que atuam no futebol brasileiro para não desfalcar as equipes na reta final do Campeonato Brasileiro. Porém, agora, o técnico deve optar por atletas que atuam no futebol nacional.

FRASE

"O Cruzeiro é um paciente em estado grave, na UTI”

Ronaldo Fenômeno, gestor do Cruzeiro

Amistoso

O primeiro jogo-treino da Ponte Preta acontece nesta quarta-feira pela manhã, contra o Athletic Club, integrante da primeira divisão do Campeonato Mineiro, a partir das 9h30, no CT do Jardim Eulina. O duelo vai marcar o reencontro da Macaca com o ex-centroavante Roger, atualmente treinador do clube de São João Del Rei.

Pré-temporada

Após o amistoso, que vai servir para o técnico Gilson Kleina esboçar a escalação de olho na estreia do Campeonato Paulista, a delegação da Alvinegra embarca no Gorilão com destino a Itu, onde dá sequência à pré-temporada até enfrentar o Palmeiras, no próximo dia 26, no Allianz Parque, em São Paulo.

Primeira chance

A Copa São Paulo de Futebol Júnior também mostrou, ao menos na primeira fase, a boa participação de Thiago Galice entre os titulares do Guarani. No empate sem gols com a Aquidauanense, o goleiro recebeu chance na vaga de Lucas Cardoso e correspondeu às expectativas de Alexandre Penna, com boas defesas e bastante segurança.

Revelação

O camisa 1, lapidado nas categorias de base do Alviverde, tem sido muito elogiado nos corredores do Brinco de Ouro da Princesa - não é de hoje - e pode continuar na meta para enfrentar a Votuporanguense, no início do mata-mata. Antes de sofrer lesão muscular na coxa, teve destaque na fase de grupos do Campeonato Paulista Sub-20. É um garoto para o torcedor ficar de olho em 2022!

Beque

O Palmeiras está muito perto de anunciar oficialmente a contratação do zagueiro Murilo, do Lokomotiv, da Rússia. O atleta chega para atender o pedido de mais um zagueiro no elenco feito pelo técnico Abel Ferreira. Apesar de destro, ele joga pelo lado esquerdo da defesa.

Especulação

De acordo com o portal turco Haber 365, o volante Luís Gustavo, 34 anos, do Fenerbahçe deve reforçar o Corinthians nesta temporada. Segundo a publicação, a diretoria do Timão aguarda a rescisão do contrato do jogador para anunciá-lo como reforço.

Corrida

Após confirmar Nikão como reforço, o São Paulo adota uma postura agressiva no mercado e corre atrás de mais nomes para 2022. Além de Soteldo, o Tricolor quer um zagueiro, um meia e outro atacante. Os nomes são mantidos em sigilo pela diretoria.

Camisa 9

O Santos negocia com o São Paulo a contratação do atacante Pablo, de 29 anos. Sem espaço no Tricolor, Pablo entrou na mira do Peixe para reforçar o elenco comandado pelo técnico Fábio Carille em 2022. Os clubes já conversam, mas dependem principalmente do interesse do jogador em atuar na Vila Belmiro.

Indecisão

Lewis Hamilton ainda não decidiu se vai disputar a temporada 2022 da Fórmula 1. O heptacampeão mundial tem contrato com a Mercedes até o fim de ano, mas perdeu confiança na Federação Internacional de Automobilismo (FIA) depois dos erros do diretor Michael Masi no GP de Abu Dhabi que resultaram no título de Max Verstappen. O britânico, que viu o oitavo título mundial escapar, espera o resultado de um inquérito da FIA sobre o episódio nos Emirados Árabes Unidos para definir seu futuro na categoria, segundo Toto Wolff, chefe da Mercedes.

Escrito por:

Ângelo Barioni/ Correio Popular