Publicado 11 de Setembro de 2021 - 10h46

Por Ângelo Barioni/ Correio Popular

A Fifa ganhou nesta sexta-feira mais uma confederação contra a sua proposta de ter uma Copa do Mundo a cada dois anos. Dias depois da Uefa se pronunciar, foi a vez da Confederação Sul-Americana de Futebol, a Conmebol, anunciar que não apoia a ideia, assim como fez a entidade europeia no início desse semana com seu presidente, o esloveno Alexander Ceferin. Através de um comunicado oficial em sua página na internet, Alejandro Domínguez, condenou a proposta de mudança.

Copa do Mundo 2

A Europa viveu dias quentes com o projeto da Superliga de clubes que mal durou 48 horas. Já a América do Sul convive com torneios elaborados para atender os times grandes como caça níqueis. Na europa, disputam-se Copa dos Campeões, Champions League, Recopa e Copa da Uefa. Na América do sul, Libertadores, Copa Sul-Americana, Supercopa e Recopa. A verdade é que tanto Uefa como Conmebol não querem perder seus espaço e receita.

FRASE

"Uma Copa do Mundo a cada dois anos pode distorcer a competição de futebol mais importante do planeta, rebaixando sua qualidade”

Alejandro Domínguez, presidente Conmebol,

Tramas

A mobilização nos bastidores é uma das chaves para Ponte Preta surpreender o Cruzeiro, neste sábado pela manhã, em Sete Lagoas. Gilson Kleina tem batido muito nesta tecla para Macaca vencer fora de casa na Série B.

Motivação

Com elenco na mão e vestiário dominado, o treinador tem trabalhado também, além de valências técnicas e táticas, a questão psicológica. Há entendimento de que o emocional precisa estar fortalecido para Ponte Preta arrancar três pontos da Raposa.

Relaxamento

A diretoria e comissão técnica do Guarani entendem que o descanso é uma forma indireta de se treinar. Com folga prolongada no calendário, o Bugre concorda que o desligamento da rotina diária também traz efeitos positivos em campo.

Lazer

Sempre que o calendário permite e apresenta pausa de dez dias livres, o Guarani tem liberado os atletas para visitar as respectivas famílias e minimizar a rotina intensa de atividades no Brinco de Ouro.

Rei

O Santos preparou diversas homenagens pelos 65 anos da estreia do Rei Pelé pelo clube. Todo minuto 10 de jogo será exibido homenagens ao Eterno camisa 10, nos telões da Vila Belmiro. A expectativa é que o público seja liberado a partir de novembro.

Líder

A Conmebol publicou em seu Twitter a lista de times brasileiros com mais jogos pela Libertadores e os números do Palmeiras chamam a atenção. Após os confrontos com o Atlético-MG pelas semifinais da edição de 2021, o Verdão chegará a 209 jogos. O Palmeiras também lidera como melhor ataque e clube com mais vitórias.

Recusa

O presidente do Santos, Andres Rueda, comentou mais uma vez a situação de Marinho. Segundo ele, o atacante está contente no clube, fato que explica o "não" para três propostas de um clube dos Emirados Árabes.

Rescisão

Daniel Alves não é mais jogador do São Paulo. A notícia foi dada pela diretoria de futebol do clube. A decisão foi tomada após Daniel recusar se reapresentar no clube depois de servir a Seleção Brasileira. O jogador tomou a decisão por conta da divida que o São Paulo tem com ele, que hoje gira em torno de R$ 11 milhões.

Objetivo

O Corinthians abre o segundo turno do Campeonato Brasileiro com o pensamento voltado para buscar uma vaga na Libertadores da próxima temporada. É este o desejo da diretoria, que foi ao mercado e buscou reforços de qualidade para mudar o patamar do elenco. A ideia é disputar títulos em 2022. No entanto, ninguém no Parque São Jorge descarta o título do Brasileirão.

Ruído

O projeto da FIFA que altera o calendário do futebol está provocando reações da Uefa e Conmebol. Pelo proposta, os campeonatos mundiais serão disputados em formato bienal, nos anos pares, enquanto que os torneios da Uefa e da Conmebol ocorrerão nos anos ímpares a cada dois anos. A ideia da Fifa é que as competições das seis confederações sejam agendadas para o meio do ano. A causa maior do ruído está nas perdas de receitas pelas confederações, que não terão autonomia na organização de torneios caça níqueis.

Escrito por:

Ângelo Barioni/ Correio Popular