Publicado 02 de Junho de 2021 - 10h01

Por Ângelo Barioni/Correio Popular

A Conmebol sorteou, nesta terça-feira, os duelos das oitavas de final da Libertadores. Seis times brasileiros estão entre os 16 sobreviventes do principal torneio de clubes do continente: Palmeiras, Atlético-MG, Flamengo, Fluminense, Internacional e São Paulo - desses apenas o último avançou com a segunda melhor campanha de seu grupo. As 16 equipes foram divididas em dois potes: os que terminaram a fase de grupos em primeiro enfrentam os que avançaram com o segundo lugar de suas chaves.

Copa América

O relator da CPI da Covid, Renan Calheiros, fez um apelo a Neymar para que ele não jogue a Copa América enquanto pessoas continuam a morrer. O apelo é extensivo ao técnico Tite e à CBF para que a competição não seja disputada no Brasil em meio à pandemia. De acordo com o senador, a CBF está participando de uma maneira inacreditável e irresponsável na promoção e patrocínio de um evento que foi suspenso em outros países.

FRASE

"Se está complicado no Brasil, não se pode jogar.” (Sergio Aguero, atacante da Seleção Argentina)

CONTRÁRIOS

O lateral Matías Viña, do Palmeiras, e o meia Giorgian de Arrascaeta, do Flamengo, comentaram a decisão da Copa América ser mantida e realocada para o Brasil. Os dois jogadores uruguaios entendem que essa não é a melhor escolha, levando em conta o momento da pandemia da covid-19.

TIRA TEIMA

O Corinthians vai receber o Atlético-GO pela quarta vez na Neo Química Arena. Agora, o duelo terá peso de mata-mata e vai abrir as oitavas de final da Copa do Brasil.

ESCRITA

Para obter alguma vantagem antes do encontro em Goiás, o Timão vai precisar quebrar um tabu e vencer, pela primeira vez, o Dragão em Itaquera.

NOVO RUMO

Convocado pela Seleção da Venezuela para as partidas contra a Bolívia e o Uruguai, nos dias 3 e 8 de junho, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022, o meia Otero não deve mais vestir a camisa do Corinthians.

DE VOLTA

O zagueiro Ian Carlo foi reintegrado ao elenco do Guarani. O jogador, revelado nas categorias de base, estava emprestado ao América-RN.

COMANDANTE

A Ponte Preta só volta a jogar no próximo domingo contra o Vasco, em Campinas. É o tempo que o técnico Gilson Kleina precisa para conhecer melhor o elenco e dar nova cara ao time.

SEGREDO

A indefinição pela contratação de Diogo Mateus junto à Ferroviária é um segredo tratado a sete chaves no Guarani. O Bugre, embora tenha encaminhado empréstimo do lateral-direito para Série B, segue em silêncio sobre o assunto.

INDEFINIÇÃO

Fora dos planos financeiros da Locomotiva para a disputa da Série D, o camisa 2 ainda mantém rotina de treinamento na Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara, enquanto empresários trabalham para definir o futuro da carreira.

NOVOS ARES

O lateral direito Jeferson, da Ponte Preta, será emprestado novamente, dessa vez para o Mirassol. No Campeonato Paulista ele defendeu o Ituano. O jogador não é aproveitado pela Macaca e por isso atua em outros times. O contrato será encerrado dia 31 de dezembro.

BAIXA

A seleção do Chile terá um importante desfalque para as Eliminatórias da Copa. Na noite de segunda-feira, o meio-campista Arturo Vidal precisou ser hospitalizado em Santiago após ser infectado pelo novo coronavírus.

SITUAÇÃO

A pandemia da covid-19 é grave, faz vítimas no mundo todo e, portanto, preocupa as autotidades sanitárias e médicas. Infelizmente, o Brasil aceitou ser sede da Copa América.

Definições

Quatro cidades brasileiras vão sediar a Copa América 2021 no Brasil: Brasília (DF), Rio de Janeiro (RJ), Cuiabá (MT) e Goiânia (GO). Os jogos serão sem a presença do público. Na terça-feira, o Presidente Jair Bolsonaro confirmou o aval para a realização. Agora resta saber quais serão os protocolos. O ministro da Casa Civil, Luiz Ramos, afirmou que o governo havia pedido que as delegações chegassem ao Brasil já vacinadas. No entanto, o Presidente disse que as regras seriam como nas Eliminatórias e a Libertadores, que não pedem a imunização.

Escrito por:

Ângelo Barioni/Correio Popular