Publicado 01 de Junho de 2021 - 10h49

Por Ângelo Barioni/Correio Popular

O Governo Brasileiro autorizou e a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) decidiu na manhã desta segunda-feira que o Brasil vai sediar a Copa América, prevista para começar em 13 de junho. O evento, que seria realizado em conjunto por Colômbia e Argentina, foi recusado pelos respectivos países devido ao recrudescimento da pandemia do coronavírus. Infelizmente, a decisão é aviltante, pois desrespeita o luto de milhões de pessoas. O número de mortos no país supera 460 mil.

Decisão isolada

O Brasil está enfrentando a terceira onda de Covid-19, com aumento do número de casos, e não há nenhuma razão lógica para abrigar a Copa América, afirmam autoridades sanitárias e médicos, uma vez que a realização do evento coloca muito mais pessoas em risco de contaminação. O péssimo exemplo repercute de forma negativa entre atletas de várias seleções participantes, que destacam a gravidade da situação e o cenário desfavorável.

FRASE

"O Governo Brasileiro demonstrou agilidade e capacidade de decisão em um momento fundamental para o futebol” (Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol)

CONVOCAÇÃO

O vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da covid-19, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), quer convocar o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo, para prestar esclarecimentos sobre as medidas de segurança para a realização de partidas da Copa América no país.

VAI ENTENDER

O governo de São Paulo garante que não vai se opor caso algum estádio do Estado seja escolhido para receber partidas da Copa América.

VAI ENTENDER 2

O Governador João Doria elogia a atuação da Federação Paulista de Futebol para lidar com a pandemia, mas avisa que a preocupação principal é "salvar vidas".

LAMENTAÇÃO

Na visão de Abel Ferreira, a vitória do Flamengo sobre o Palmeiras foi decidida pela qualidade individual de Bruno Henrique, que arrancou pela esquerda e serviu Pedro, autor do gol da vitória. O treinador lamentou chance perdida pelo Palmeiras no 1º tempo.

ALTERNATIVO

A tendência é que o técnico Hernán Crespo opte por uma equipe reserva do São Paulo, nesta terça-feira, contra o 4 de Julho, do Piauí, em jogo válido pela Copa do Brasil. O jogo será disputado no estádio Albertão em Teresina.

ENTROSAMENTO

O Santos enfrenta o Cianorte nesta terça, às 19h no Estádio Albino Turbay, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. O técnico Fernando Diniz vai repetir a escalação da derrota para o Bahia por 3 a 0.

REVANCHE

O Corinthians tem a possibilidade de vencer o Atlético-GO, algoz na primeira rodada do Brasileiro, nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil. A partida será também na Neo Química Arena, às 21h30.

RADAR MINEIRO

Há cerca de duas semanas, o Cruzeiro realizou sondagem ao Guarani pela contratação do volante Índio, um dos jogadores mais contestados pela torcida nesta temporada.

PEDIDO

A contratação, na época, tornou-se inviável pelo fato de que o ex-técnico Allan Aal, agora no CRB, ter solicitado a permanência do camisa 23 para disputa da Série B do Campeonato Brasileiro.

PERMANÊNCIA

Índio tem contrato junto ao Guarani até 30 de novembro. O atleta deve ficar no banco de reservas para enfrentar o Operário, nesta terça-feira, em Curitiba.

FUTSAL DOWN

Aryane e Thiago, atletas do time de futsal down da Ponte Preta, são finalistas do concurso de talento desenvolvido pela Confederação Brasileira de Desportos para Deficientes Intelectuais (CBDI). Para votar, acesse o site do órgão.

QUEDA DE BRAÇO

O deputado federal Júlio Delgado (PSB-MG) informou que pedirá ao Supremo Tribunal Federal (STF) o cancelamento da Copa América no Brasil. O presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, conversou com o presidente Jair Bolsonaro, que apoiou a iniciativa de imediato. Apesar do apoio nacional, a Conmebol já começou a ter problemas com os Estados. Os governadores de Pernambuco, Rio Grande do Norte e Rio Grande do Sul se posicionaram contra o torneio em razão do "atual cenário epidemiológico”.

Escrito por:

Ângelo Barioni/Correio Popular