Publicado 26 de Maio de 2021 - 11h03

Por Ângelo Barioni/Correio Popular

Ângelo Barioni

Correio Popular

Ângelo Barioni

A arbitragem brasileira será protagonista de mais um capítulo histórico do futebol sul-americano. Nesta quinta-feira, a Conmebol Libertadores terá seu primeiro jogo comandado por uma equipe de arbitragem totalmente feminina. A brasileira Edina Alves Batista (FIFA-SP) será a árbitra principal do jogo entre Defensa y Justicia e Independiente del Valle, que também terá a auxiliar Neuza Inês Back (FIFA-SP). O trio de campo será completado por Cindy Nahuelcoy, do Chile.

Caminhada

Ponte Preta e Guarani iniciam a luta pelo acesso à Série A do Campeonato Brasileiro neste final de semana. Ao todo, 20 clubes disputam o campeonato com os mesmos objetivos e, entre eles, Botafogo RJ, Vasco, Cruzeiro, Coritiba, Goiás, Vitória e Náutico, times que são protagonistas em seus respectivos estados. Enfim, o Bugre e a Macaca precisam estar preparados e reforçados para buscarem posição de destaque na competição, que promete ser acirrada.

FRASE

"Não temos tempo a perder. Nível de concentração alto." (Sylvinho, técnico do Corinthians)

 

Renovação

O Santos anunciou nessa terça-feira a renovação de contrato do lateral-direito Cadu, revelado pelas categorias de base do clube. O jogador de 19 anos ainda não fez sua estreia pelo profissional, mas foi relacionado para cinco partidas do Campeonato Brasileiro de 2019.

 

Confiante

Sylvinho não espera reforços no Corinthians. O treinador se diz pronto para "essa massa que é o Corinthians”.

Debutante

Em sua primeira experiência como treinador no futebol brasileiro, justamente no clube que o revelou como jogador, na década de 90, e onde ele foi auxiliar técnico entre 2013 e 2014, o treinador admitiu que é acelerado.

Alvo

O meia Andrigo tem, definitivamente, correspondido às expectativas desde sua chegada ao Guarani. No Paulistão desta temporada, ele foi o artilheiro do time com quatro gols anotados onde, através das boas atuações, o meia já desperta interesse de clubes da Croácia e dos Emirados Árabes que sondaram a situação do atleta.

 

Novo comandante

Hansi Flick será o novo treinador da seleção da Alemanha, assumindo o posto atualmente ocupado por Joachim Löw. A confirmação da contratação foi feita nessa terça-feira pela Federação Alemã de Futebol (DFB, na sigla em alemão), que anunciou que o compromisso é válido por três anos, até 2024, e que o início de seu trabalho será logo após a disputa da Eurocopa.

 

Libertadores

Após perder o título paulista, o Palmeiras volta a campo nesta quinta-feira pela Libertadores. Já classificado, o Verdão recebe o Universitário do Peru.

 

Companheiro

Um nome pouco falado pela torcida e muito importante nos bastidores do Guarani é Marcelo Tasso. O superintendente executivo do Bugre tem sido cada vez mais elogiado internamente nesta gestão de Ricardo Moisés.

 

Administrar

Embora não tenha ligação com o futebol, carro chefe do atual Conselho de Administração, Tasso é o principal responsável pelas decisões administrativas, especialmente quando o Alviverde atua no Brinco de Ouro da Princesa.

 

Reformulação

A Ponte Preta já rescindiu o contrato e liberou três atletas que faziam parte da equipe: Luizão, Barreto e Bruno Michel. Yuri, lateral esquerdo, deve ser o próximo da lista.

 

Reformulação 2

Por outro lado, o clube também já anunciou três contratações para a Série B: atacante Richard, lateral esquerdo Rafael Santos e o volante Lucas Cândido. A Ponte Preta deve anunciar ainda mais três nomes para compor o elenco

Eliminatórias

A seleção brasileira inicia a sua preparação a partir desta quarta-feira com a chegada da comissão técnica e jogadores vindos da Europa. Os convocados que atuam no Brasil e os finalistas da Liga dos Campeões da Europa (o goleiro Ederson e o centroavante Gabriel Jesus, do Manchester City, e o zagueiro Thiago Silva, do Chelsea) se apresentam a partir da próxima segunda.

Equador e Paraguai serão os adversários do Brasil nas próximas duas rodadas das Eliminatórias. No estádio Beira-Rio, a seleção recebe o Equador, no dia 4 de junho.

Escrito por:

Ângelo Barioni/Correio Popular