Publicado 18 de Maio de 2021 - 10h13

Por Ângelo Barioni/Correio Popular

De um lado, o ex-atacante argentino Hernán Crespo. Do outro, o ex-lateral direito português Abel Ferreira. A presença de dois técnicos estrangeiros na final do Paulistão, entre São Paulo e Palmeiras, permite uma certeza ao fim da competição: um nono técnico estrangeiro erguerá a taça do principal estadual do país. Isso 46 anos depois da última conquista de um gringo em terras paulistas. Ao todo, oito técnicos estrangeiros já conquistaram o título na era profissional.

 

Estrangeiros 2

Essa será a primeira vez que dois treinadores estrangeiros estarão frente a frente em uma decisão de Campeonato Paulista. Disputada por pontos corridos, a edição do Paulistão de 1944 teve o uruguaio Ventura Cambon pelo Palmeiras e o português Joreca pelo São Paulo, disputando o título ponto a ponto. A vitória do Palmeiras por 3 a 1, em 17 de setembro, abriu às portas para o Palmeiras conquistar o título daquele ano, após outras duas vitórias.

FRASE

"Sem coração, gana, não pode chegar a lugar nenhum. Eles têm muito coração e demonstram em cada jogo, treino." (Hernán Crespo, técnico do São Paulo)

 

Decisão

Palmeiras e São Paulo decidem o título paulista a partir de quinta-feira, no Allianz Parque, às 22h. O segundo jogo está marcado para domingo, no Morumbi, às 16h.

 

Maratona

Dois dias após a classificação à final do Campeonato Paulista, o Palmeiras vai entrar em campo, agora pela Libertadores, para enfrentar o Defensa y Justicia, nesta terça-feria, no Allianz Parque.

 

Maratona 2

Como o time já está classificado como primeiro do grupo com duas rodadas de antecedência, os titulares devem descansar. Isso significa uma inversão da estratégia adotada até agora, quando a comissão técnica priorizou o torneio sul-americano.

 

Demissão

Após perder para o Palmeiras, o Corinthians demitiu Vagner Mancini. O técnico é o segundo do Alvinegro seguido e terceiro na história a cair após derrota em Dérbi.

 

Precedente

No dia 11 de setembro do ano passado, Tiago Nunes foi demitido do Timão após um revés no Dérbi, válido pela nona rodada do último Campeonato Brasileiro.

 

Análise

Guarani vai usar o intervalo de quase três semanas até o início da Série B do Campeonato Brasileiro para priorizar a situação dos atletas em fim de contrato no mês de maio.

 

De saída

Departamento de Futebol, em consenso com o Conselho de Administração, não vai reunir esforços para renovar com o lateral-direito Éder Sciola e com o zagueiro Romércio, os quais não são unanimidades no Bugre.

 

Custo

A decisão pela liberação em definitiva dos dois jogadores passa por avaliação entre diretoria e comissão técnica, além de colocar na ponta do lápis a relação custo-benefício para não comprometer as finanças em 2021.

 

Classificada

Mais uma vez a Ponte Preta levou a melhor nos pênaltis e venceu a disputa por 4 a 2 sobre o RB Bragantino. A Macaca agora vai tentar seu sétimo título do Troféu do Interior.

 

Alternativo

Hernán Crespo deve mandar a campo um time alternativo no jogo desta noite entre São Paulo e Racing, da Argentina, no Morumbi. Na quinta, o Tricolor começa decidir com o Palmeiras o Paulistão 2021.

 

Luto

Rildo Costa Menezes, ex-lateral do Santos, morreu aos 79 anos neste domingo, em Los Angeles, nos Estados Unidos, cidade onde residia desde 1977. O ex-jogador também defendeu a seleção brasileira na Copa do Mundo de 1966, na Inglaterra, ao lado de Pelé.

Aposentadoria

Após defender a Inter de Limeira no Paulistão, o atacante Roger anunciou nesta segunda-feira a sua aposentadoria dos gramados aos 36 anos de idade. Mas isso não quer dizer que vai se distanciar do mundo da bola. O agora ex-jogador será o novo gerente de futebol do próprio time. Ele foi revelado nas categorias de base da Ponte Preta e teve a sua primeira experiência em 2003. Depois passou por diversos times do Brasil, como por exemplo São Paulo, Palmeiras, Fluminense e Guarani, além de ter atuado no Japão e na Coreia do Sul.

Escrito por:

Ângelo Barioni/Correio Popular