Publicado 22 de Outubro de 2021 - 9h18

Por Thifany Barbosa/ Correio Popular

A viatura da polícia na Rua Henrique Del Bianco, onde o crime aconteceu: o casal de namorados ficou ferido e foi encaminhado à Santa Casa de Limeira

Reprodução/TV

A viatura da polícia na Rua Henrique Del Bianco, onde o crime aconteceu: o casal de namorados ficou ferido e foi encaminhado à Santa Casa de Limeira

Um motoboy, de 22 anos, foi preso em flagrante por agredir e tentar matar sua ex-companheira, de 27 anos, e o atual namorado dela, de 38, na madrugada de ontem, bairro Jd. Novo Horizonte, em Limeira. Ele atingiu as vítimas com um pedaço de madeira, após invadir a casa dela. Os dois foram socorridos e levados para o hospital.

Segundo a Polícia Militar, uma equipe fazia patrulhamento e, por volta de 1h30, foi acionada para uma ocorrência de violência doméstica na Rua Henrique Del Bianco. Ao chegarem no local, encontraram o agressor em frente à casa da mulher.

O suspeito explicou aos policiais que trabalha como motoboy em uma empresa no período noturno e, por volta da 1h, teria chegado em “sua” casa para jantar e a encontrou com outro homem. Transtornado, ele confessou que agrediu os dois com socos e pauladas. O agressor ainda informou que tem uma filha com a vítima, de nove meses.

A mulher tinha ferimentos na face e na cabeça, mas estava consciente. Ela contou à polícia, que está separada do autor e que ele teria invadido a casa dela.

O agressor não aceita o fim do relacionamento e a tem perseguido. Dentro do imóvel, os policiais encontraram o atual namorado, de 38 anos, deitado em um sofá e bastante machucado, com dificuldade de respirar. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e socorreu o casal à Santa Casa de Limeira.

A ex-companheira do agressor passou por atendimento médico e ficou em observação. Já o quadro clínico do rapaz foi considerado grave.

Confissão

O suspeito foi preso em flagrante e não ofereceu qualquer resistência. Ele confessou que tinha tentado fugir levando a filha no carro do homem a quem havia acabado de agredir, mas o veículo não funcionou e foi abandonado há poucos metros da casa. Ele disse ainda que jogou a chave do automóvel na rua.

O agressor, que já tinha sido indiciado pelo crime de violência doméstica em março deste ano, depois de ter agredido a vítima, ficou preso em flagrante e vai responder por tentativa de feminicídio e de homicídio contra a ex e o homem, respectivamente. O caso foi registrado no plantão da Delegacia Seccional de Limeira, e foi encaminhado ao 4ºDisrito Policial da cidade para a continuidade das investigações.

Escrito por:

Thifany Barbosa/ Correio Popular