Publicado 07 de Setembro de 2021 - 10h28

Por Thifany Barbosa/ Correio Popular

A influenciadora de Valinhos, Bruna Quirino

Reprodução

A influenciadora de Valinhos, Bruna Quirino

A influenciadora digital, Bruna Quirino, muito conhecida na cidade de Valinhos, foi morta a facadas pelo marido na madruga de anteontem. O agressor, que ainda tentou atacar a filha do casal, de 20 anos, acabou de mutilando e morreu em seguida. O assassinato aconteceu por volta das 23h30, em um condomínio no bairro Bom Retiro.

A vítima tinha 38 anos e foi atacada pelo marido, Rodrigo César Quirino, de 40 anos, durante uma discussão. De acordo com o comandante da Guarda Civil Municipal, Aparecido Ignácio, a filha do casal estava no quarto quando ouviu a briga dos pais e saiu para saber o que estava acontecendo.

Ao sair do cômodo, a jovem viu a mãe sendo esfaqueada pelo pai. Em seguida, o homem teria partido para cima dela, mas a jovem conseguiu fugir e se trancar no quarto.

Bruna ainda teria conseguido sair da sala, correndo para fora do apartamento, que fica no térreo, mas não resistiu e caiu em uma escadaria que dá para a área externa do edifício. O acusado foi atrás e se matou na sequência. A GM foi acionada por moradores do condomínio.

Durante o relato aos agentes de segurança pública, a filha contou que havia saído de casa no domingo, no período da tarde, e, ao retornar, manteve-se em seu quarto, já os seus pais haviam saído também para jantar com uns amigos. Depois, ouviu a discussão dos pais. Os vizinhos chamaram a GM ao ouvirem muitos gritos e pedidos de socorro. A vítima foi encontrada seminua nas escadas do corredor e o corpo do marido próximo ao dela.

Motivação desconhecida

A equipe deparou no local com os dois corpos no chão e a filha da vítima muito chocada. A motivação do crime ainda é desconhecida, mas, de acordo com testemunhas, o casal era bem unido e foi uma surpresa o desfecho do relacionamento.

Bruna levou entre 10 a 20 facadas, enquanto o agressor desferiu várias facadas em si mesmo, morrendo com um talho no pescoço. A filha do casal foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Valinhos, em estado de choque. Ela foi atendida e já obteve alta.

O corpo da influenciadora foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Campinas e as autoridades abrirão um inquérito policial.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP), informou que a arma branca e os dois celulares foram recolhidos e os devidos exames periciais solicitados. O bárbaro assassinato foi registrado no plantão policial do município como homicídio, suicídio e violência doméstica, e encaminhado ao 1º Distrito Policial.

Bruna, de 38 anos, era influencer digital de cabelo, moda e beleza, e professora de zumba em um academia renomada no município. Com mais de 25 mil seguidores, a influenciadora trabalhava com várias redes sociais.

Escrito por:

Thifany Barbosa/ Correio Popular