Publicado 13 de Janeiro de 2022 - 21h03

Por Adriana Ferraz

A cidade de São Paulo iniciará a vacinação infantil contra a covid-19 na próxima segunda-feira, dia 14. O Estadão apurou que o prefeito Ricardo Nunes (MDB) decidiu em reunião de organização da campanha de imunização que a vacinação vai começar com crianças de 5 a 11 anos com comorbidades, deficientes e indígenas. As primeiras doses destinadas ao público desembarcaram no Brasil na madrugada de ontem, e a previsão é de que cheguem à capital paulista no fim da tarde desta sexta, 14.

À Rádio Eldorado, o secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, disse que ainda não se sabe quantas doses a cidade receberá e ressaltou que o planejamento depende de quantas estarão disponíveis.

Volta às aulas

O secretário municipal de Saúde enfatizou a importância da vacinação das crianças, especialmente neste momento que antecede a volta às aulas em fevereiro, quando estarão, de acordo com a previsão da prefeitura, parcialmente protegidas.

Contudo, o passaporte da vacina não será exigido nesse momento. Ainda de acordo com Aparecido, as escolas públicas e privadas estão hoje "perfeitamente adequadas com medidas de segurança sanitária".

O titular da pasta de Saúde afirmou ainda que o passaporte da vacina não é suficiente para combater a variante Ômicron do coronavírus. "Teríamos que eventualmente adicionar a testagem (antes das aulas), mas sabemos que há uma falta de testes no País."

A recomendação é continuar com as medidas sanitárias, como espaçamento entre pessoas, uso de máscaras, ventilação de espaços fechados, além de avançar na imunização das crianças.

Pré-cadastro

O acesso ao site Vacina Já de São Paulo para o pré-cadastro de vacinação contra a covid-19 do público de 5 a 11 anos aumentou 11 vezes na quarta-feira, 12, após o cadastramento ser liberado, conforme informou o governo do Estado. A página recebeu 303 mil acessos somente em um dia.

Esse número de acessos da quarta-feira supera a média de procura do mês anterior em 1.039%. Em dezembro, o site recebeu 26.613 cliques diários.

O governo de São Paulo destaca que esse pré-cadastro é opcional e não funciona como agendamento. Porém, agiliza o atendimento nos locais de imunização, evitando filas e aglomerações nos postos.

Os pais ou responsáveis devem acessar o link, clicar no botão "Crianças até 11 anos" e realizar o preenchimento do formulário online.

A expectativa do Estado é vacinar as 4,3 milhões de crianças com imunizante pediátrico no período de três semanas. A capacidade da vacinação infantil em São Paulo é de cerca de 250 mil crianças por dia.

Há 5.200 locais de vacinação disponíveis, número que deverá ser ampliado com postos volantes em escolas da rede estadual.

Escrito por:

Adriana Ferraz