Publicado 11 de Janeiro de 2022 - 17h37

Por Ilana Cardial

A partir da próxima segunda-feira, 10, o governo do Chile iniciará a aplicação da quarta dose de vacina contra a covid-19, informou o presidente chileno, Sebastián Piñera. Ainda que tenha havido uma pequena e constante alta no número de casos confirmados no país, o Chile mantém os novos contágios sob controle, informa a Associated Press.

A segunda dose de reforço estará disponível para pessoas imunossuprimas, no primeiro momento.

A vacinação em massa se dará a partir de 7 de fevereiro, para pessoas com mais de 55 anos que tenha completado seis meses desde sua dose anterior.

Escrito por:

Ilana Cardial