Publicado 11 de Janeiro de 2022 - 13h17

Por Estadão Conteúdo

Cacique Medina iniciou os trabalhos no Internacional nesta terça-feira com somente duas ausências. O zagueiro Mercado testou positivo para a covid-19 na Argentina e nem embarcou ao Brasil para a reapresentação do elenco. Já o meia Boschilia apresentou quadro de gripe e acabou afastado do grupo até melhorar.

Todos os outros atletas do elenco foram testados no Centro de Treinamento Parque Gigante e apresentaram resultado negativo para covid-19, iniciando os testes físicos e médicos. As atividades contaram com 31 jogadores.

O Internacional voltou com três reforços. O centroavante Wesley Moraes já vinha treinando e até apresentado. D'Alessandro retornou para os últimos quatro meses da carreira e Liziero foi contratado do São Paulo.

Já as saídas foram muitas. Patrick acabou negociado com o São Paulo, Marcelo Lomba foi para o Palmeiras e Saravia e Lucas Ribeiro não tiveram os empréstimos renovados. O Inter ainda emprestou o goleiro Vitor Hugo ao Figueirense, o zagueiro Pedro Henrique ao La Serena-Chile, os meias Richard, ao CRB, e Ramon, ao Atlético-GO, e o atacante Guilherme Pato ao Neftçi, do Azerbaijão.

O volante Zé Gabriel tem negociações avançadas para deixar o clube e não se representou. Quatro jovens da base foram promovidos: o zagueiro Tiago Barbosa, o lateral-esquerdo Thauan Lara, o volante Matheus Dias e o atacante Nicolas.

Outra novidade foi o retorno do goleiro Keiller, que estava emprestado para a Chapecoense. O volante Rodrigo Lindoso, o lateral-esquerdo Moisés, o zagueiro Cuesta e o meio-campista Johnny tiveram seus contratos renovados.

Tags: covid-19

Escrito por:

Estadão Conteúdo