Publicado 22 de Novembro de 2021 - 22h10

Por Estadão Conteúdo

O ministro da Saúde do Egito, Khaled Abdel Ghaffar, anunciou que o país iniciará testes clínicos de uma vacina de fabricação nacional, contra a covid-19. Ele disse que o imunizante se chamará Covi Vax e que os experimentos começarão com dezenas, depois com centenas e eventualmente com milhares de pessoas. O anúncio foi a primeira indicação de que os pesquisadores passaram da produção da vacina e dos primeiros testes para a aplicação nas pessoas que participarão dos ensaios. A Organização Mundial da Saúde (OMS) já havia reconhecido a vacina egípcia como uma das centenas de fórmulas em todo o mundo que estão em desenvolvimento. O imunizante age incluindo proteínas do vírus original para provocar uma resposta imunológica. Fonte: Associated Press.

Escrito por:

Estadão Conteúdo