Publicado 15 de Novembro de 2021 - 18h46

Por Estadão Conteúdo

Dúvida no dérbi, Moisés é nome garantido na escalação alvinegra para enfrentar o Operário, no Paraná.

Diego Almeida/PontePress

Dúvida no dérbi, Moisés é nome garantido na escalação alvinegra para enfrentar o Operário, no Paraná.

A Ponte Preta se complicou de vez na luta contra o rebaixamento na Série B do Campeonato Brasileiro ao sofrer a virada do Londrina, por 2 a 1, na 'decisão' da tarde desta segunda-feira (15), no Estádio do Café, pela 36ª rodada. Moisés abriu o marcador para os paulistas, mas Zeca, de pênalti, e Salatiel garantiram a vitória paranaense.

O tropeço fez a Ponte Preta estagnar no 14º lugar com 43 pontos, agora, com apenas dois a mais do que a zona de rebaixamento, aberta pelo próprio Londrina, com 41 pontos. Restam mais duas rodadas e seis pontos em disputa.

Mesmo sob forte calor de 32ºC, a Ponte Preta começou a partida de forma avassaladora. Logo aos 2 minutos, Camilo bateu falta pela esquerda e Moisés cabeceou para o fundo das redes. O atacante estava na seca havia 14 jogos. Esse foi o sexto gol de Moisés na Série B e o 12º na temporada.

Após o gol, porém, a Ponte Preta recuou e o Londrina foi em busca do empate. Mossoró bateu e a bola tocou na mão de Ednei. O árbitro mineiro Ricardo Marques Ribeiro consultou o VAR e deu pênalti, além de amarelo para o zagueiro do clube paulista. Na cobrança, aos 20 minutos, Zeca bateu no canto direito e empatou o jogo.

Antes do intervalo, aos 46 minutos, Niltinho dominou e encheu o pé, exigindo grande defesa de César. Aos 48 minutos, o Londrina também assustou em bicicleta de Zeca. A bola passou rente à trave. A Ponte Preta ainda teve mais uma chance com Moisés aos 49 minutos, mas César fez outra bela defesa.

No segundo tempo, a Ponte Preta foi em busca do gol. Aos 4 minutos, Fessin pegou bola rebatida e finalizou, mas César espalmou. No lance seguinte, aos 5, Fábio Sanchez aproveitou escanteio batido por Rafael Santos e cabeceou rente ao travessão.

O jogo caiu de produção e só voltou a esquentar no final. Aos 40 minutos, o técnico Márcio Fernandes colocou Salatiel na vaga de Jhonny Lucas. No minuto seguinte, Salatiel aproveitou bola tocada por Zeca e só empurrou para as redes. Virada do Londrina.

Na 37ª e penúltima rodada, o Londrina visitará o Vila Nova na sexta-feira, às 21h30, no OBA, em Goiânia. A Ponte Preta jogará no sábado, às 16h30, contra o Confiança no Batistão, em Aracaju (SE).

FICHA TÉCNICA

LONDRINA 2 X 1 PONTE PRETA

LONDRINA - César; Córdoba, Marcondes, Augusto e Felipe Vieira (Luiz Henrique); João Paulo, Jhonny Lucas (Salatiel) e Mossoró (Caprini); Zeca, Victor Daniel (Gegê) e Roberto (Marcelinho).

Técnico: Márcio Fernandes.

PONTE PRETA - Ivan; Felipe Albuquerque (Kevin), Fábio Sanches, Ednei e Rafael Santos; Yago (André Luiz), Marcos Júnior (Léo Naldi), Fessin (Lucas Cândido) e Camilo; Niltinho (Iago) e Moisés. 0

Técnico: Gilson Kleina.

GOLS - Moisés, aos 2 minutos, Zeca (pênalti), aos 20 minutos, do primeiro tempo. Salatiel, aos 41 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Ricardo Marques Ribeiro (MG).

CARTÕES AMARELOS - Ednei, Niltinho e Fábio Sanches (PONTE PRETA).

RENDA e PÚBLICO - Não divulgados.

LOCAL - Estádio do Café, em Londrina (PR).

Escrito por:

Estadão Conteúdo