Publicado 15 de Novembro de 2021 - 8h06

Por Estadão Conteúdo

Seis jogos vão balançar o feriado da Proclamação da República, nesta segunda-feira, no encerramento da 36ª rodada da Série B. Goiás e CRB têm a chance de entrar no G-4 - zona de acesso -, enquanto a Ponte Preta tem 'decisão' definitiva contra o rebaixamento.

Sem perder há seis jogos e animado pela vitória sobre o antigo líder Coritiba, por 2 a 1, o Goiás visita o ameaçado Remo, em Belém (PA), às 20 horas. Os goianos só dependem de si para voltar ao G-4. Com 58 pontos, o Goiás está a um do Guarani, terceiro colocado, e tem a mesma pontuação do Avaí, quarto colocado e que leva vantagem no número de vitórias (16 a 15). Paulistas e catarinenses já jogaram nesta rodada.

O Remo, por sua vez, despencou ao perder do Operário por 2 a 1 e completar sua terceira derrota seguida. A diretoria demitiu Felipe Conceição e acertou com Eduardo Batista, do Mirassol, para esta reta final. O Remo aparece na 15ª posição, estagnado com 41 pontos, a três da degola.

O cenário do CRB é parecido ao do Goiás. Os alagoanos também vão encarar um rival ameaçado e fora de casa. O desafio será diante do Brusque, no estádio Augusto Bauer, às 16 horas. Ao vencer o Londrina, por 1 a 0, o CRB chegou aos 57 pontos. Já o Brusque, derrotado pelo Cruzeiro por 2 a 0, está uma posição acima da zona de descenso com os mesmos 38 pontos do Londrina, que abre a degola. O time catarinense só está fora por causa das vitórias (11 a 9).

O Londrina é o responsável por abrir a zona de rebaixamento e fará uma verdadeira 'decisão' contra a Ponte Preta no Estádio do Café, às 16 horas. Os paranaenses perderam seus dois últimos duelos. A Ponte Preta, por sua vez, está invicta há cinco rodadas e vem de empate sem gols diante do líder Botafogo. A sequência positiva deixou o time paulista com 43 pontos e dependendo apenas das suas forças para evitar a queda.

Em Recife (PE), às 18 horas, Náutico e Sampaio Corrêa fazem confronto nordestino para cumprir tabela. Os pernambucanos empataram sem gols diante do Confiança e pararam nos 49 pontos, três a mais do que o Sampaio Corrêa, vindo de duas vitórias, sendo a última por 3 a 0 sobre o Vila Nova.

Invicto há sete jogos - quatro vitórias e três empates -, o Botafogo conquistará o acesso se vencer o Operário no Rio, às 16 horas. O time carioca também poderá subir com o empate, desde que o Goiás seja derrotado pelo Remo e o CRB tropece diante do Brusque.

O líder soma 63 pontos e pode carimbar o passaporte diante da torcida, onde tem a melhor campanha da Série B (84,3%). O Operário, por sua vez, está em 12º lugar com 45 pontos.

Em Goiânia (GO), Vila Nova e Vasco cumprirão tabela. Os goianos somam 44 pontos e os cariocas têm 47. O Vasco demitiu o técnico Fernando Diniz após a derrota por 3 a 0 para o Vitória. Os cariocas não vencem há cinco jogos e perderam as últimas quatro partidas, tomando dez gols.

A rodada começou na sexta-feira com o tropeço do CSA diante do ameaçado Confiança. O empate sem gols, em Maceió (AL), não ajudou os alagoanos na briga pelo G-4 e nem os sergipanos na luta contra o rebaixamento. No sábado, o Guarani goleou o Avaí por 4 a 0 e entrou na zona de acesso.

CONFIRA OS JOGOS DA 32.ª RODADA DA SÉRIE B:

SEXTA-FEIRA

CSA 0 x 0 Confiança

SÁBADO

Guarani 4 x 0 Avaí

SEGUNDA-FEIRA

16 horas

Botafogo x Operário

Brusque x CRB

Londrina x Ponte Preta

18 horas

Remo x Goiás

Náutico x Sampaio Corrêa

20 horas

Vila Nova x Vasco

Escrito por:

Estadão Conteúdo