Publicado 14 de Novembro de 2021 - 0h15

Por Estadão Conteúdo

A noite de sábado foi de festa dupla para o corintiano. Se o time masculino fez bonito com 3 a 2 sobre o Cuiabá, as meninas não ficaram atrás. Com boa atuação, ganhou do Alianza Lima, do Peru, por 3 a 1, avançando à semifinal da Copa Libertadores, disputada no Paraguai.

Na terça-feira, a equipe encara reencontra o Nacional, do Uruguai, a quem goleou na primeira fase por 5 a 1, por vaga na decisão. No outro duelo, a atual campeã Ferroviária mede forças com o Santa Fe, da Colômbia, na segunda-feira.

Vic Albuquerque duas vezes e Tamires anotaram os gols da equipe paulista, que repete classificação às semifinais da temporada passada e tenta voltar à final após duas conquistas.

Com menos de um minuto de bola rolando, o Corinthians já abriu o marcador. Cruzamento preciso de Adriana e cabeçada certeira de Tamires. Mesmo completamente dominadas, as peruanas ainda empataram, aos 12 minutos.

Num primeiro tempo todo corintiano, com o time jogando inteiro no campo de ataque, a vantagem demorou a vir. Após muitas chances desperdiçadas, Vic Albuquerque usou a cabeça para fazer 2 a 1 aos 45 minutos, após cobrança de escanteio de Yasmim.

Na volta do intervalo, não demorou para o Corinthians ampliar e matar o jogo. Aos 10 minutos, após chute de Zanotti, bate e rebate na área e a bola sobra para Vic Albuquerque, eleita a craque do jogo, aparecer bem para fazer seu segundo no jogo. O técnico Arthur Elias modificou a equipe para descansar suas titulares e, mesmo assim, o ritmo não caiu. A goleada não veio pelas defesas da goleira peruana e a falta de pontaria.

Escrito por:

Estadão Conteúdo