Publicado 13 de Novembro de 2021 - 7h34

Por Estadão Conteúdo

Guarani e Avaí farão uma verdadeira decisão neste sábado, às 16 horas, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, pela 36ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Separados por apenas dois pontos, paulistas e catarinenses lutam pelo acesso.

Invicto há quatro jogos e vindo de vitória sobre o lanterna e rebaixado Brasil-RS por 1 a 0, o Guarani acumula 56 pontos, dois a menos do que o Avaí, integrante do G4 - zona de acesso. O clube catarinense não perde há três rodadas, mas empatou os dois últimos jogos.

"Quero marcar meu nome na história do clube. Meu maior desafio é colocar o Guarani de volta à Série A. É objetivo de todos aqui. Acredito que essa seja a Série B mais difícil de todos os tempos. Para quem defende uma grande camisa como a do Guarani, todo jogo é uma decisão", disse o meia Régis, um dos destaques do time de Campinas.

No Guarani, o técnico Daniel Paulista não terá o lateral-direito Diogo Mateus e nem o atacante Júnior Todinho. Os dois estão com lesão muscular de grau 2 na coxa esquerda. Já o volante Rodrigo Andrade segue como dúvida por conta de uma lesão. Dessa forma, o time deve ser o mesmo da rodada passada.

"O objetivo era chegar nesse momento em condições de conseguir o acesso. Se vai conseguir ou não, ainda não sei. Mas o Guarani está muito vivo na briga pelo acesso", disse Daniel Paulista.

No Avaí, o técnico Claudinei Oliveira terá praticamente todo o time à disposição. Apenas o lateral Diego Renan segue fora. Com lesão no joelho, ele não joga mais a Série B. João Lucas deve ser seu substituto. O restante do time deverá ser o mesmo que empatou com o CSA por 1 a 1.

Escrito por:

Estadão Conteúdo