Publicado 21 de Outubro de 2021 - 8h54

Por Estadão Conteúdo

Apesar de estar vacinado, Julian Nagelsmann testou positivo para o novo coronavírus e permanecerá em quarentena, anunciou o clube

Divulgação

Apesar de estar vacinado, Julian Nagelsmann testou positivo para o novo coronavírus e permanecerá em quarentena, anunciou o clube

O Bayern de Munique não contou na quarta-feira com o técnico Julian Nagelsmann no banco de reservas na partida contra o Benfica, pela Liga dos Campeões da Europa, que teve a vitória dos alemães com uma goleada por 4 a 0, no estádio da Luz, em Lisboa. Nesta quinta, em suas redes sociais, o clube revelou que o motivo foi o resultado positivo para covid-19 no teste PCR realizado um dia antes da partida.

Apesar de estar vacinado, Julian Nagelsmann testou positivo para o novo coronavírus e permanecerá em quarentena, anunciou o clube. Inclusive voltaria para a Alemanha em um voo separado dos demais membros da delegação.

"Julian Nagelsmann testou positivo para o coronavírus, apesar de estar completamente vacinado. Ele retornará a Munique de forma separada da equipe, em um avião-ambulância, e será colocado em isolamento", informou o Bayern de Munique em sua conta oficial no Twitter.

O técnico de 34 anos não compareceu na quarta-feira ao estádio da Luz para acompanhar a vitória de sua equipe sobre o Benfica. Ele viajou a Portugal na terça, mas permaneceu em isolamento no hotel por precaução.

O clube informou na quarta-feira, antes da partida, que Julian Nagelsman estava com "sintomas de gripe". O ministério da Saúde da Alemanha determina que qualquer pessoa que teste positivo para o novo coronavírus deve permanecer 14 dias em isolamento.

Escrito por:

Estadão Conteúdo