Publicado 13 de Outubro de 2021 - 13h43

Por Iander Porcella

O Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) dos Estados Unidos cortou nesta quarta-feira sua previsão para a demanda global de petróleo em 2022 em 150 mil barris por dia, para 3,48 milhões de bpd. A projeção para 2021, por outro lado, foi elevada em 90 mil bpd, para 5,05 milhões.

Em relatório de curto prazo sobre o mercado de petróleo, a Administração de Informação de Energia (EIA, na sigla em inglês) do DoE também estimou que a produção da commodity energética deve recuar 260 mil barris por dia em 2021, para 11,02 milhões de bpd. A previsão anterior era de que caísse menos, 200 mil bpd.

Para 2022, a estimativa é de aumento de 710 mil bpd na produção de petróleo, para 11,73 milhões. A projeção do relatório anterior indicava alta de 640 mil bpd no período.

"O crescimento virá como resultado do aumento do número de plataformas pelas operadoras, o que esperamos compensar as taxas de declínio da produção", explica o DoE.

Escrito por:

Iander Porcella