Publicado 09 de Outubro de 2021 - 23h16

Por Estadão Conteúdo

O CSA confirmou seu bom momento na Série B do Campeonato Brasileiro e mostrou que o sonho do acesso continua vivo ao golear o Brusque por 4 a 1, na noite deste sábado, no estádio Rei Pelé, em Maceió, pela 29.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O time alagoano contou com boas atuações do meia Renato Cajá, que anotou um gol, e do atacante Dellatorre, que marcou dois, para garantir a vitória. Iury fez o outro do CSA e Garcez diminuiu para o Brusque.

Com o resultado, o CSA chega à sexta posição, com 45 pontos, a três do Goiás, quarto colocado e soma agora seu sexto jogo invicto na Série B - venceu na sequência de Londrina, Botafogo, Cruzeiro e Ponte Preta e empatou com o rival CRB na última rodada. O Brusque é o 14.º colocado, com 35, e tem encerrada sua sequência de duas vitórias seguidas (Brasil de Pelotas e Guarani).

Na próxima rodada, a 30.ª da Série B, o Brusque recebe o Remo na sexta-feira (15), enquanto o CSA, no mesmo dia, encara o Goiás fora de casa.

O CSA foi para cima desde o começo do primeiro tempo e teve no meia Renato Cajá e no atacante Dellatorre as principais figuras ofensivas. Enquanto o primeiro criava, o segundo teve boas chances de marcar o gol.

Aos 12 minutos, Delattore cabeceou nas mãos do goleiro Ruan Carneiro. Aos 30 minutos, Renato Cajá, que já tinha arriscado de fora da área antes, tentou novamente, o goleiro falhou, mas Dellatorre perdeu sozinho. Na terceira oportunidade, ele não desperdiçou. Aos 32 minutos, Iury Castilho lançou Dellatorre e ele bateu forte na saída do goleiro.

O CSA não soube administrar o placar favorável e sofreu o castigo aos 41 minutos. Zé Matheus cobrou falta, Garcez dominou e bateu para empatar. Cinco minutos depois, porém, Didira cruzou e Dellatorre novamente, colocou o CSA na frente.

Na volta do vestiário, o CSA fez o terceiro gol logo no primeiro minuto. Cristovam toca para Yuri, que bateu colocado no cantinho de Ruan Carneiro

O CSA não baixou guarda e buscou ficar no ataque para administrar o marcador. O panorama melhorou aos 24 com a expulsão de Ianson aos falta em Yuri. Um minuto depois da expulsão, o CSA definiu o jogo, com gol de Renato Cajá, que chutou da entrada da área para marcar o quarto gol.

FICHA TÉCNICA:

CSA 4 x 1 BRUSQUE

CSA - Thiago Rodrigues (Lucas Frigeri); Cristovam, Matheus Felipe, Lucão e Ernandes (Kevin); Yuri, Geovane e Renato Cajá (Bruno Mota); Didira (Marco Túlio), Iury Castilho e Dellatorre (Reinaldo).Técnico: Mozart.

BRUSQUE - Ruan Carneiro; Toty, Ianson, Éverton Alemão e Marcelo; Rodolfo Potiguar, Zé Mateus e Diego Mathias (Marlone)(Jhon Cley); Thiago Alagoano (Claudinho), Garcez (Hugo Borges) e Edu (Toni). Técnico: Waguinho Dias.

GOLS - Dellatorre, aos 32 e aos 46 minutos, Garcez, aos 41 do primeiro tempo. Yuri, a um minuto, e Renato Cajá, aos 25 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Lucão (CSA); Éverton Alemão e Thiago Alagoano (Brusque).

CARTÃO VERMELHO - Ianson (Brusque).

ÁRBITRO - Paulo Cesar Zanovelli da Silva (MG).

RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.

LOCAL - Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).

Escrito por:

Estadão Conteúdo