Publicado 01 de Outubro de 2021 - 15h43

Por Gabriela Brumatti (Especial para a AE) e Lorenna Rodrigues

Com a safra brasileira prejudicada por questões climáticas, o Ministério da Economia revisou para baixo a projeção do saldo da balança comercial para 2021. O número passou de US$ 105,3 bilhões, previstos em julho, para US$ 70,9 bilhões. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira, 1º de outubro, pela Secretaria de Comércio Exterior, do Ministério da Economia.

A variação mais expressiva ocorreu nas estimativas para as exportações, que passaram de US$ 307,5 bilhões em julho para US$ 281 bilhões. Ainda assim, o número permanece 34,3% superior ao de 2020.

Já as importações, de acordo com o Ministério da Economia, apresentam tendência de crescimento de US$ 202,2 bilhões de julho para US$ 210,1 bilhões em outubro. A variação é 32,3% superior ao mesmo período do ano anterior.

Escrito por:

Gabriela Brumatti (Especial para a AE) e Lorenna Rodrigues