Publicado 14 de Setembro de 2021 - 15h18

Por Gabriel Caldeira

Secretária de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki afirmou, durante coletiva de imprensa, que funcionários públicos federais dos Estados Unidos terão 75 dias para se vacinar contra a covid-19, a partir do momento da assinatura pelo presidente americano Joe Biden de ordem executiva que requererá a imunização desses trabalhadores, algo previsto para acontecer nesta quinta-feira.

Questionada, Psaki foi enfática ao afirmar que os vínculos empregatícios de funcionários que desobedecerem a regra poderão ser "terminados", com exceções a trabalhadores de grupos religiosos específicos e pessoas com condições de saúde que as impedem de tomar as vacinas.

Segundo Psaki, a ameaça da variante delta do coronavírus à crise sanitária nos EUA e os 80 milhões de americanos que se recusam a se imunizar contra a doença foram as razões que levaram a Casa Branca a decidir por emitir uma nova ordem executiva sobre o tema.

Escrito por:

Gabriel Caldeira