Publicado 13 de Setembro de 2021 - 9h42

Por Eduardo Rodrigues

Os economistas do mercado financeiro alteraram a projeção para a balança comercial em 2021 na pesquisa Focus realizada pelo Banco Central, de superávit comercial de US$ 70,80 bilhões para US$ 71,00 bilhões. Um mês atrás, a previsão era de US$ 69,70 bilhões. Para 2022, a estimativa de superávit seguiu em US$ 63,00 bilhões. Há um mês, estava em US$ 62,80 bilhões.

No caso da conta corrente do balanço de pagamentos, a previsão contida no Focus para 2021 passou de déficit de US$ 1,15 bilhão para US$ 1,58 bilhão, ante resultado "zero" de um mês antes.

Para 2022, a projeção de rombo nas contas externas passou de US$ 15,00 bilhões para US$ 18,10 bilhões. Um mês atrás, o déficit projetado era de US$ 14,30 bilhões.

Para os analistas consultados semanalmente pelo BC, o ingresso de Investimento Direto no País (IDP) será suficiente para cobrir o resultado deficitário nestes anos. A mediana das previsões para o IDP em 2021 foi de US$ 54,00 bilhões para US$ 51,15 bilhões. Há um mês, estava em US$ 54,00 bilhões.

Para 2022, a expectativa continuou em US$ 65,00 bilhões, ante US$ 66,99 bilhões de um mês antes.

Escrito por:

Eduardo Rodrigues