Publicado 09 de Setembro de 2021 - 7h56

Por Dow Jones Newswires

O presidente da distrital do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) em Atlanta, Raphael Bostic, acredita que o Fed conseguirá iniciar a gradual redução de suas compras de ativos - num processo conhecido como "tapering" - ainda este ano, embora não espere que uma decisão a respeito seja tomada na reunião de política monetária de 21 e 22 de setembro.

Bostic, que na maior parte do ano vem defendendo que o Fed reduza suas compras mensais de US$ 120 bilhões em ativos financeiros, disse em entrevista ao The Wall Street Journal que recentes dados econômicos fracos e o ressurgimento da pandemia de coronavírus exigem mais tempo para se decidir sobre a eventual remoção de estímulos monetários.

Ele, no entanto, avaliou que a economia dos EUA se mantém numa "posição bastante forte" e que a disseminação da variante Delta da covid-19 não interrompeu ou reverteu a recuperação do país, ainda que tenha "definitivamente desacelerado o ritmo de progresso".

Bostic, que não vota nas reuniões do Fed este ano, também reiterou esperar que a primeira alta dos juros básicos venha no fim de 2022.

Ainda na entrevista, Bostic previu que o salto da inflação nos EUA perderá força, mas ressaltou que isso poderá demorar mais do que se imaginava.

Escrito por:

Dow Jones Newswires