Publicado 07 de Setembro de 2021 - 12h31

Por Dow Jones Newswires

As reservas internacionais da China diminuíram em agosto em meio à valorização do dólar e fraqueza de outras moedas, segundo dados publicados nesta terça-feira, 7, pelo PBoC, como é conhecido o banco central chinês.

No fim do mês passado, as reservas da segunda maior economia do mundo totalizavam US$ 3,232 trilhões, representando queda de US$ 3,77 bilhões em relação a julho.

O número de agosto ficou um pouco abaixo da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam queda das reservas a US$ 3,233 trilhões.

Escrito por:

Dow Jones Newswires