Publicado 07 de Setembro de 2021 - 7h06

Por Estadão Conteúdo

Goiás e Cruzeiro apostam em suas atuais séries invictas para se dar bem nesta terça-feira, feriado de 7 de Setembro, às 21h30, na Serrinha, em Goiânia (GO), no encerramento da 22.ª rodada. Os rivais, no entanto, têm objetivos opostos na Série B do Campeonato Brasileiro.

Invicto há sete rodadas depois dos 2 a 1 em cima do Confiança, o Goiás fecha o G-4 - zona de acesso à primeira divisão -, na quarta colocação, com 38 pontos. Se empatar, já vai roubar a terceira posição do Botafogo. O Cruzeiro também tem uma boa sequência, de oito jogos sem tropeço, mas empatou sem gols com o CRB e parou na 15.ª posição, com 25 pontos, a dois da zona da degola.

No Cruzeiro, o técnico Vanderlei Luxemburgo ganhou opções. O lateral-direito Raúl Cáceres e o volante Lucas Ventura se recuperaram de entorse no tornozelo e ficam à disposição. Lucas Ventura, aliás, pode assumir a vaga de titular no lugar do suspenso Flávio. Na lateral direita, Cáceres brigará por posição com Rômulo.

No ataque, Marcelo Moreno segue fora, servindo à seleção da Bolívia nas Eliminatórias da Copa do Mundo. O trio ofensivo deve ser formado por Wellington Nem, Bruno José e Thiago. Dessa forma, Rafael Sóbis ainda aparece como opção. "Precisamos colocar nosso ritmo e nosso estilo para conseguir os três pontos, porque nosso objetivo na competição é muito grande", disse Giovanni, homem de confiança do treinador.

No Goiás - dono da segunda melhor campanha como mandante (70%) -, o técnico Marcelo Cabo terá força máxima para encarar os mineiros. Sem suspensos ou lesionados, contará com o reforço do meia Élvis, que cumpriu suspensão na rodada passada.

"O Goiás está no caminho certo para buscar o acesso. Estamos na metade da competição, peguei um trabalho em andamento, encontrei muitas coisas positivas e agora, com mais de 30 dias de trabalho, já temos o que entendemos como benéfico para a equipe. Acho que ainda temos que evoluir e crescer na competição", analisou Marcelo Cabo.

Escrito por:

Estadão Conteúdo