Publicado 17 de Agosto de 2021 - 22h18

Por Estadão Conteúdo

Herói da partida ao marcar o único gol do Cruzeiro na vitória por 1 a 0 sobre o Náutico, nesta terça-feira, no Recife, Thiago saiu do banco de reservas para, no primeiro toque na bola, estufar as redes adversárias e dar três pontos para o time celeste, que se distanciou da zona de rebaixamento e, com Vanderlei Luxemburgo, começa a sonhar com um possível acesso na Série B.

Apesar de ter saído de campo como o destaque da partida, Thiago optou por enaltecer o grupo. O Cruzeiro chegou ao sexto jogo seguido sem derrota e se manteve invicto com Vanderlei Luxemburgo, confirmando a ascensão da equipe neste final de primeiro turno.

"Antes de responder, quero agradecer a Deus, à minha família, aos amigos e companheiros por terem acreditado no meu trabalho. O grupo está de parabéns. O grupo não é feito de um jogador, todo mundo está de parabéns. Vínhamos de três jogos brigando pela vitória, mas sempre saindo com o empate, mas hoje graças a Deus conseguimos a vitória", declarou o atacante.

"Amuleto" do Cruzeiro, Thiago foi recentemente muito elogiado por Vanderlei Luxemburgo e a expectativa era grande que pudesse entrar em campo, o que aconteceu segundos antes de marcar o único gol do duelo. Ele entrou no lugar de Marcelo Moreno, outra aposta do treinador.

Nesta terça-feira, o time mineiro fez um jogo equilibrado, muitas vezes aberto, diante do Náutico e contou com a experiência e segurança de Fábio para não sair atrás do placar. Se a defesa fez sua parte, o ataque também brilhou, o que impediu que chegasse ao décimo empate na Série B.

A vitória levou o Cruzeiro aos 21 pontos, respirando na luta contra o rebaixamento e já pensando em uma arrancada, mirando o duelo contra o Confiança, na sexta-feira, às 21h30, no Mineirão.

Escrito por:

Estadão Conteúdo