Publicado 10 de Agosto de 2021 - 9h23

Por Estadão Conteúdo

O Mundial já começou para a seleção brasileira de futsal. Em uma iniciativa inédita na modalidade, a delegação se apresentou na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), na segunda-feira, e iniciou a preparação para a competição que será realizada na Lituânia, em setembro. Os 16 atletas e integrantes da comissão técnica tiveram como primeira atividade o teste RT-PCR para controle de covid-19.

Casa de todas as seleções de futebol, o Centro de Treinamento da CBF passa a receber também as equipes de futsal do Brasil. Com 12 anos de seleção no currículo, o fixo Rodrigo falou sobre a importância de ter esta estrutura à disposição para a modalidade.

"É um momento histórico para a gente, um momento marcante para o futsal, e a gente vai fazer tudo para colocar nossa camisa aqui junto com a taça do Mundial desse ano. Estamos muito felizes. Tenho que fazer uma foto ali naquele símbolo, uma deitado naquele campo! Tantos ídolos passaram por aqui, é de arrepiar ver estas camisas assinadas na parede. Quarto que Neymar passou, Romário passou... Estamos muito felizes com isso. É um prazer enorme!", declarou.

A seleção brasileira de futsal ficará na Granja Comary até esta quarta-feira. Neste mesmo dia, o grupo vai para o Rio de Janeiro seguir a preparação para o Mundial no Parque Olímpico, na Arena Carioca, até o próximo dia 25. Três dias depois a delegação embarca para a Polônia para realizar quatro amistosos.

O Brasil enfrenta os donos da casa duas vezes, nos dias 2 e 4 de setembro, e encara a Sérvia também em duas oportunidades, nos dias 6 e 8. No dia seguinte, a delegação segue para a Lituânia para a disputa do Mundial. No Grupo D da competição, a seleção estreia diante do Vietnã, no dia 13 de setembro.

Escrito por:

Estadão Conteúdo