Publicado 09 de Agosto de 2021 - 20h48

Por Gustavo Côrtes

O vice-presidente Hamilton Mourão criticou o presidente do Peru, Pedro Castillo, a quem atribuiu "visão do século passado" após conversa em cerimônia de posse do mandatário do país vizinho. "Eu estive lá na posse dele. Me pareceu uma pessoa, digamos assim, bem intencionada, mas com um pensamento ainda voltado para problemas do período colonial", disse em palestra promovida pelo grupo Personalidades em Foco, liderado pelo empresário Paulo Zanotto.

O general não se limitou a um único vizinho e fez uma espécie de diagnóstico político do continente. Responsabilizou o exército da Venezuela pelo quadro de deterioração institucional em que o país se encontra. "O nosso entorno próximo continua com a dificuldade extrema com a questão da Venezuela, uma situação que não se resolve da noite para o dia e que, na minha opinião, passa por uma mudança de comportamento das Forças Armadas daquele país", avaliou.

Mourão também demonstrou preocupação com o novo governo do Chile, que classificou como imprevisível, e com os protestos na Colômbia após o governo local aprovar reforma tributária impopular.

Escrito por:

Gustavo Côrtes