Publicado 08 de Agosto de 2021 - 21h18

Por Estadão Conteúdo

O Flamengo esteve irreconhecível neste domingo, no Maracanã. O time rubro-negro foi goleado pelo Internacional por 4 a 0 e perdeu a oportunidade de se aproximar dos líderes do Brasileirão. O meia Éverton Ribeiro, que não teve grande atuação no duelo, enxergou a partida como atípica na história recente da equipe carioca.

"Acredito que hoje (domingo) foi o dia que muitas coisas deram errado. A gente acabou sofrendo com o jogo deles, tentamos criar ali na frente, erramos, não conseguimos encaixar. No contra-ataque, eles conseguiram fazer os gols. É aprender, quando tiver difícil caprichar", falou o meia.

Éverton Ribeiro também foi questionado sobre a arbitragem. O Flamengo jogou boa parte do segundo tempo com um jogador a menos após a expulsão do atacante Gabriel. O jogador optou por não entrar em polêmica, mas fez questão de dar uma leve alfinetada.

"Não gosto de falar de arbitragem, mas acredito que ele conseguiu irritar os dois lados, querendo conversar com os jogadores. Não tem que ser amigo do jogador, parar o jogo toda hora para conversar", concluiu.

Com seus principais jogadores em baixa, o Flamengo não conseguiu criar, com exceção a um lance de Bruno Henrique, e virou presa fácil para o Internacional, que não teve dificuldade em criar o resultado, que deixou o time carioca na quinta posição, com 24 pontos.

O Flamengo agora tenta juntar os cacos para fazer o confronto diante do Olimpia, marcado para esta quarta-feira, no Paraguai, pelas quartas de final da Copa Libertadores.

Escrito por:

Estadão Conteúdo