Publicado 08 de Agosto de 2021 - 19h48

Por Estadão Conteúdo

Acuado no clássico contra o Corinthians, neste domingo, o Santos esteve bem diferente taticamente e, por pouco, não viu o rival sair vitorioso da Vila Belmiro, pela 15.ª rodada do Brasileirão. Apesar do empate por 0 a 0, a equipe comandada pelo técnico Fernando Diniz não apresentou as armas ofensivas e aquele habitual ritmo forte do meio de campo para frente.

O Corinthians se aproveitou das brechas deixadas pelos adversários e, não fosse a falta de pontaria e a grande atuação de João Paulo debaixo das traves, o resultado teria sido a favor da equipe da capital paulista.

Demonstrando leve abatimento depois do difícil embate contra o Corinthians, o goleiro do Santos admitiu que o time não foi o mesmo e que o desempenho realmente foi aquém. "Poderíamos ter jogado mais, ser agressivos. Mas é clássico, tudo pode acontecer, os dois times poderiam ter saído vitoriosos", disse o arqueiro santista, bastante acionado durante os 90 minutos e com importantes defesas em oportunidades claras de gol.

O empate para o Santos não significou muitas alterações na tabela de classificação. O time do litoral paulista está na oitava posição com 20 pontos, dois a mais do que o Corinthians, que está na 11.ª colocação.

Escrito por:

Estadão Conteúdo