Publicado 21 de Julho de 2021 - 0h03

Por Estadão Conteúdo

Em um confronto direto na luta contra o rebaixamento, o Vitória contou com um gol isolado de Pablo Siles para vencer a Ponte Preta na noite desta terça-feira, no Barradão, pela 13.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O quinto jogo seguido sem vitória manteve a Ponte na penúltima colocação, com apenas nove pontos. Já o Vitória encerrou um jejum de sete partidas e, com 12 pontos, empurrou o Cruzeiro para a zona de rebaixamento - o time mineiro tem 11.

A Ponte tentou se aproveitar da pressão vivida pelo Vitória e começou em cima. Moisés exigiu boa defesa de Ronaldo e André Luiz perdeu chance clara ao cabecear por cima do travessão. Aos poucos, o Vitória equilibrou as ações e só não foi para o intervalo na frente porque Ivan salvou duas vezes.

Muito mais ligado no começo do segundo tempo, o Vitória não demorou para abrir o placar. Depois de Cedric acertar o travessão, Pablo Siles arriscou de fora da área num chute de curva e contou com uma falha de Ivan para marcar aos nove minutos. Depois disso, o time baiano abdicou de jogar e só marcou.

A sorte do Vitória é que a Ponte Preta, nervosa pela situação dramática na tabela, errou muitos passes e praticamente não ameaçou o gol defendido por Ronaldo.

O Vitória volta a campo no sábado, contra o CSA, às 21 horas, no Rei Pelé, em Maceió (AL). Na sexta-feira, a Ponte Preta recebe Goiás, às 20 horas, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. As partidas são válidas pela 14.ª rodada.

FICHA TÉCNICA:

VITÓRIA 1 x 0 PONTE PRETA

VITÓRIA - Ronaldo; Cedric, Mateus Moraes, Marcelo Alves e Pedrinho; João Pedro, Pablo Siles (João Victor) e Eduardo (Gabriel Bispo); Wesley Pionteck (Soares), David (Guilherme Santos) e Dinei (Samuel Granada). Técnico: Ramon Menezes.

PONTE PRETA - Ivan; Felipe Albuquerque, Fábio Sanches, Cleylton e Rafael Santos (João Veras); André Luiz (Pedrinho), Vini Locatelli, Fessin (Lucas Cândido) e Camilo (Renatinho); Josiel (Rodrigão) e Moisés. Técnico: Gilson Kleina.

GOL - Pablo Siles, aos nove minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Pablo Siles, Dinei e Guilherme Santos (Vitória).

ÁRBITRO - Gilberto Rodrigues Castro Júnior (PE).

RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.

LOCAL - Estádio Barradão, em Salvador (BA).V

Escrito por:

Estadão Conteúdo