Publicado 19 de Julho de 2021 - 4h47

Por Estadão Conteúdo

A equipe brasileira masculina de ginástica artística, composta por Arthur Zanetti, Arthur Nory, Francisco Barretto, Caio Souza e Diogo Soares, inaugurou nesta segunda-feira o ginásio de treinamento para os Jogos Olímpicos Tóquio 2020, juntamente com atletas da Suíça, Suécia e Austrália.

"A adaptação ao fuso está boa porque ficamos quatro semanas em Doha. Fizemos um reconhecimento dos aparelhos, foi um treino bem satisfatório. À tarde vamos realizar um treinamento mais firme no ginásio de aquecimento na Ariake Gymnastics Centre, que é o local oficial de competição", disse o técnico Marcos Goto, que desembarcou com a equipe neste domingo na capital japonesa.

"Inauguramos o ginásio e é uma satisfação enorme representar mais uma vez o Brasil em Jogos Olímpicos. Ficamos dois dias sem treinar por conta da viagem, então o corpo sente um pouco mais. No meu caso, o ombro pela exigência da prova das argolas. Mas, aos poucos, vamos desenferrujando", afirmou Zanetti, dono de um ouro, em Londres-2012, e uma prata na Rio 2016.

A competição de ginástica artística começa no sábado, às 10h do Japão (22h de sexta-feira no Brasil). No feminino, o Brasil estará representado por Flavia Saraiva e Rebeca Andrade.

Escrito por:

Estadão Conteúdo