Publicado 18 de Julho de 2021 - 16h33

Por Londres

O gabinete do premiê do Reino Unido, Boris Johnson, informou neste domingo, 18, que o líder britânico permanecerá isolado pelos próximos 10 dias. A decisão foi tomada depois que o ministro da Saúde, Sajid Javid, testou positivo para o coronavírus.

Nesta segunda-feira, 19, entrará em vigor no país um plano de eliminar quase todas as restrições impostas para conter a pandemia. Neste fim de semana, o Reino Unido registrou em torno de 50 mil novos casos diários de covid-19, em meio à rapidez com que a variante delta se espalha pelo país, apesar da vacinação em massa.

Javid, o ministro da Saúde, que está totalmente vacinado, também ficará isolado por 10 dias. Em uma mensagem divulgada nas redes sociais na sexta-feira, 16, ele disse que se sentia "tonto", mas que os sintomas eram leves.

Inicialmente, Downing Street anunciou que Johnson não se isolaria como parte de um programa piloto do governo para substituir o isolamento por testes regulares de covid-19. Em poucas horas, contudo, a decisão foi revista. Fonte: Dow Jones Newswires

Escrito por:

Londres