Publicado 21 de Junho de 2021 - 9h37

Por Estadão Conteúdo

A segunda-feira promete ser especial para Everson. Depois de ajudar o Atlético-MG a conseguir mais uma vitória no Campeonato Brasileiro, fora de casa, diante do Internacional, o goleiro vai completar a marca de 50 jogos com a camisa do time mineiro no duelo contra a Chapecoense, às 20 horas, no Mineirão, pela quinta rodada da competição nacional.

"Fico extremamente contente e agradeço a Deus pelo privilégio de alcançar uma marca como essa em tão pouco tempo aqui no Atlético. Vestir essa camisa tão pesada e com tamanha história é extremamente especial. Desde a minha chegada, no ano passado, sempre fui muito bem tratado por todos os funcionários e pela torcida do Galo e, juntos, conquistamos o Campeonato Mineiro. Fiquei muito feliz com o título, mas quero muito mais. Ao lado dos meus companheiros, seguirei trabalhando duro para conquistar novas taças no clube e também aumentar esse número de atuações", ressaltou o camisa 22.

Contratado no segundo semestre do ano passado a pedido do então técnico argentino Jorge Sampaoli, Everson fez sua primeira partida pelo Atlético-MG no dia 13 setembro. Na ocasião, ajudou o time a vencer o Red Bull Bragantino por 2 a 1, em partida disputada no Mineirão. Aos poucos, foi emendando boas atuações e se firmou como titular da meta alvinegra, tendo boa participação na campanha que levou a equipe a terminar o Brasileirão na terceira colocação.

Em 2021, já sob o comando de Cuca, o goleiro segue como um dos principais destaques do time. Everson saiu de campo sem ser vazado em 12 dos 21 jogos que fez na temporada. Além disso, foi peça-chave na conquista do Campeonato Mineiro, ajudando o Atlético-MG a ser campeão após dois empates sem gols com o América-MG na decisão, e vem se destacando neste início de Brasileirão, na Libertadores e também na Copa do Brasil, onde, inclusive, pegou um pênalti no último duelo, no triunfo de 2 a 1 sobre o Remo, que garantiu a equipe nas oitavas de final.

Agora, o próximo objetivo é conseguir ajudar o Atlético-MG a emplacar a sua sexta vitória consecutiva, sendo a quarta no Campeonato Brasileiro, competição que o time busca o segundo título após 50 anos, já que a única conquista aconteceu em 1971.

"O Brasileiro é uma competição muito complicada e equilibrada. Sabemos que o clube persegue essa taça há um bom tempo e queremos gravar o nosso nome na história. Cada partida é importante e, por isso, procuramos sempre pensar em um adversário por vez. O próximo será a Chapecoense, que vem de um bom resultado fora de casa. Precisaremos de mais uma grande atuação em casa para conseguir manter essa boa sequência de vitórias. Se a gente manter o nosso foco, tenho certeza de que brigaremos pelo título", afirmou.

Ao todo, Everson já disputou 49 partidas com a camisa do Atlético-MG. Em 21 delas, o time saiu de campo sem ser vazado. Além disso, o goleiro sofreu 45 gols, o que representa uma média de 0,91 por jogo.

Escrito por:

Estadão Conteúdo