Publicado 13 de Junho de 2021 - 12h55

Por Estadão Conteúdo

Há 13 anos sem grandes conquistas, o Qatar SC está disposto a voltar a brigar pelo título nacional e resolveu apostar num treinador brasileiro. Zé Ricardo, desempregado desde que deixou o Internacional, no fim de 2020, assinou por dois anos e iniciará sua jornada internacional na Liga do Catar. Ele será o quinto brasileiro a dirigir o time.

Aos 50 anos, o treinador já passou pelo período de quarentena exigido pelo país árabe para a chegada de estrangeiros. E revelou que já anda estudando bastante sobre o novo clube e também avaliando seus futuros adversários.

"Estou muito feliz com esse desfecho com o Qatar SC. Era um desejo e, desde o primeiro contato, passei a estudar muito sobre o clube, os adversários e sobre a Liga das Estrelas", revelou Zé Ricardo, que já teve passagens por Flamengo, Vasco, Botafogo e Fortaleza antes de assumir o clube gaúcho, e acredita em bom trabalho no país da próxima Copa do Mundo.

"A quarentena no país acabou ajudando nesse ponto. Estamos montando um planejamento com os managers do clube para, juntos, fazermos uma grande temporada", enfatizou Zé Ricardo.

Desde 2016, quando Sebastião Lazaroni deixou o clube, que o Qatar SC não conta com um treinador brasileiro. Zé Ricardo chega para reerguer o time, oito vezes campeão da Liga do Catar, mas sem ganhar a competição desde 2004. Foi sexto na edição passada. A última conquista foi em 2008, quando ergueu a taça da Copa do Príncipe do Catar.

Zé Ricardo terá um brasileiro a seu lado na primeira missão internacional. O auxiliar Cleber dos Santos o acompanha no Qatar SC. Os demais integrantes da comissão já estavam no clube catariano.

Escrito por:

Estadão Conteúdo