Publicado 13 de Junho de 2021 - 7h20

Por Estadão Conteúdo

Com apenas um ponto somado de seis possíveis e ainda sem balançar as redes no Campeonato Brasileiro, o São Paulo viaja até Belo Horizonte, para enfrentar o Atlético-MG, neste domingo, às 16 horas, baseado na goleada de 9 a 1 sobre o 4 de Julho, na última terça-feira para, enfim, começar a subir degraus na classificação do Nacional. O empate sem gols na estreia diante do Fluminense e a derrota de 2 a 0 para o Atlético-GO fora de casa colocaram uma pressão extra para o duelo contra os mineiros.

E, se no confronto diante dos piauienses, o time do técnico Hernán Crespo conseguiu reverter uma situação de ligeira tensão pela necessidade de vitória por dois gols de vantagem por vaga na Copa do Brasil, agora, a situação também é de mudança. Contra o Atlético-MG, a ordem é virar a chave, esquecer os pontos perdidos nas rodadas iniciais e começar a brigar pelo topo da classificação.

O início dessa recuperação passa exatamente pelo destaque do time no Campeonato Brasileiro do ano passado: o atacante Luciano. Autor de três gols nos últimos quatro confrontos, o atleta vem recuperando a boa forma que o fez conquistar a artilharia do Brasileirão 2020 ao lado de Claudinho, com 18 gols.

"O São Paulo fez uma grande exibição e mostramos que temos um grande plantel. Temos muita coisa pela frente e vamos manter o foco", afirmou o atacante. As pazes com as redes adversárias já colocam Luciano como o segundo artilheiro do time no ano. Com seis bolas na rede, ele só fica atrás de Pablo, que marcou nove vezes na temporada.

Para a partida diante dos mineiros, o técnico Hernán Crespo deve contar com o retorno de Liziero. Ele retornou da seleção olímpica após dois amistosos e participou de toda a atividade no Centro de Treinamento. No entanto, Luan, Benitez e Daniel Alves, que seguem em recuperação, ainda não têm data definida para retornar ao time.

Também classificado para as oitavas de final da Copa do Brasil ao passar pelo Remo, o Atlético-MG busca uma regularidade neste início de Campeonato Brasileiro. Com uma derrota e um triunfo nas duas primeiras rodadas do torneio, o time do técnico Cuca tenta a primeira vitória como mandante para começar a decolar na competição.

E, se o São Paulo aposta no oportunismo de Luciano para vencer a partida, na equipe mineira as atenções estão voltadas para o atacante Hulk. Autor do gol da vitória nos 2 a 1 sobre o Remo, ele também é um dos artilheiros da Copa Libertadores, com seis gols. Mas apesar da boa fase, o jogador aposta no equilíbrio diante do São Paulo. "Em jogos assim, o que define uma vitória é um detalhe. Por isso temos de entrar focados", afirmou o jogador.

Escrito por:

Estadão Conteúdo