Publicado 09 de Junho de 2021 - 22h26

Por Matheus Andrade

O presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador, propôs nesta quarta-feira, 9, o até então secretário de Fazenda e Crédito Público, Arturo Herrera, como novo presidente do Banco do México (Banxico). Em sua conta no Twitter, López Obrador disse que tanto Herrera quanto a pessoa que o substituirá na secretaria, Rogelio Ramírez de la O, "são bons economistas, continuaremos agindo com responsabilidade e sem endividar o país".

Segundo Obrador, o país seguirá sem "gastar mais do que vai para o Tesouro, com austeridade e honestidade". "Não aumentaremos os impostos ou o preço da gasolina, diesel, gás ou eletricidade". Ele também indicou que continuará com a "destinação do orçamento primeiro aos pobres".

A nomeação de Herrera tem de ser aprovada agora pelo Senado, onde o partido no poder tem maioria. Em sua rede social, Herrera afirmou que "como é sabido", foi nomeado para assumir o Banxico, mas que seguirá na secretaria pelas próximas semanas. Ele agradeceu aos funcionários do órgão pelo trabalho. O mandato do atual presidente, Alejandro Díaz de León, está marcado para terminar no dia 31 de dezembro, tendo se iniciado em janeiro de 2017.

Escrito por:

Matheus Andrade