Publicado 11 de Janeiro de 2022 - 16h57

Por Agência Brasil

 Movimenta....o de pessoas no centro da cidade no primeiro dia de flexibiliza....o do uso de m..scaras ao ar livre no Estado do Rio de Janeiro.

Fernando Fraz..o/Ag..ncia Brasil; /Ag..ncia Brasil

Movimenta....o de pessoas no centro da cidade no primeiro dia de flexibiliza....o do uso de m..scaras ao ar livre no Estado do Rio de Janeiro.

O número de novos casos de covid-19 registrados em 24 horas bateu o recorde da pandemia, com mais de 3,2 milhões de casos nesta segunda-feira (10). Nesse período, foram registrados mais 1,4 milhão de casos nos Estados Unidos, 292,3 mil na Espanha, 168 mil na Índia, 143,8 mil no Reino Unido e 117,4 mil na Itália.

Em consequência, a média de casos da semana também chegou ao nível mais alto desde o início da pandemia, 2,53 milhões. O índice é quase o dobro do registrado no início do ano. Em 1º de janeiro, a média móvel de casos registrados estava em 1,38 milhão.

O total acumulado de pessoas infectadas chegou ontem a 310,4 milhões desde o início da pandemia.

As informações estão na atualização de hoje do banco de dados Our World in Data (Nosso mundo em dados), mantido por uma equipe de pesquisa associada à Universidade de Oxford.

Em 24 horas, foram registradas 6,45 mil mortes em todo o mundo. A quantidade de pessoas que perderam a vida para a covid-19 alcançou 5,49 milhões.

A soma de pessoas plenamente vacinadas chegou a 3,9 bilhões, ou 59,2% da população do globo. Aqueles indivíduos que receberam ao menos uma dose totalizam 4,6 bilhões. Em 24 horas, foram aplicados 35,2 milhões de doses.

 

Escrito por:

Agência Brasil