Publicado 22 de Dezembro de 2021 - 14h45

Por Agência Brasil

 Movimenta....o de pessoas no centro da cidade no primeiro dia de flexibiliza....o do uso de m..scaras ao ar livre no Estado do Rio de Janeiro.

Fernando Fraz..o/Ag..ncia Brasil; /Ag..ncia Brasil

Movimenta....o de pessoas no centro da cidade no primeiro dia de flexibiliza....o do uso de m..scaras ao ar livre no Estado do Rio de Janeiro.

A cidade do Rio de Janeiro atingiu a marca de 80% da população com a imunização completa contra a covid-19. De acordo com dados da prefeitura, atualizados hoje (22), de toda a população carioca 80,1% tomaram duas doses ou a dose única da vacina. Considerada a população de 12 anos ou mais, a imunização chegou a 93,5%.   

“E você que tá devendo vacina, pelo amor de Deus, meu filho, #SóVem logo! Não é hora de dar mole, mas... Chegamos a 80% e a gente aqui na Pref [prefeitura] não tá cabendo em si de orgulho da nossa cidade e de vocês cariocas”, disse, pelo Twitter, a prefeitura da cidade. 

Com a marca da vacinação associada a outros fatores, como internações e número de casos, o Comitê Especial de Enfrentamento à Covid-19 (CEEC), que assessora cientificamente a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) do Rio de Janeiro, deliberou por não impor restrições ao carnaval na cidade. Em 2022, a folia será nos dias 26, 27 e 28 de fevereiro e 1º de março, terça-feira.

Também pelo Twitter, o prefeito Eduardo Paes ponderou que a avaliação do CEEC refere-se ao cenário atual. “Vamos acompanhando”, disse. No último dia 15, o prefeito disse que, caso não haja mudanças no quadro, pelo menos a realização dos desfiles das escolas de samba na Marquês de Sapucaí está garantida. 

Ômicron no Rio

Esta semana, o Rio confirmou o primeiro caso importado da variante Ômicron, que se espalha mais facilmente do que o vírus Sars-CoV-2 originário e do que variantes como a Delta. No mundo, a variante vem se disseminando e determinando o aumento de medidas restritivas.

“Temos uma nova variante chegando à cidade e a última coisa que queremos é repetir a alta de casos que tivemos no fim do ano passado. Bora evitar aglomerações, deixar as janelas abertas quando possível e manter o uso das máscaras, principalmente em ambientes fechados”, alerta a prefeitura pelo Twitter.

Pelo calendário oficial, pessoas com 56 anos ou mais com a imunização completa devem tomar esta semana a dose de reforço da vacina da covid-19. 

Também devem tomar a dose de reforço aqueles com 18 anos ou mais que tomaram a segunda dose há cerca de 5 meses. Quem desejar antecipar a aplicação devido a problemas de saúde, viagem ou outras questões pessoais, também pode comparecer aos postos. O intervalo mínimo é de três meses.

Escrito por:

Agência Brasil