Publicado 03 de Junho de 2021 - 0h38

Por Agência Brasil

Goleiro brilha nos pênaltis e põe Campinense na final do Paraibano

Goleiro brilha nos pênaltis e põe Campinense na final do Paraibano

Dono de 20 títulos estaduais, o Campinense está pela quarta vez seguida na decisão do Campeonato Paraibano. Nesta quarta-feira (2), a Raposa superou o Botafogo-PB no Clássico Emoção nos pênaltis, por 5 a 4, após o empate sem gols no tempo normal no Almeidão, em João Pessoa.

O goleiro Mauro Iguatu foi o protagonista da noite. Ele não só defendeu a primeira cobrança do Belo, do meia Kaio Wilker, como marcou o gol da classificação, na quinta e última batida da Raposa, que busca a primeira taça desde 2016. Fora da decisão em 2017, a equipe de Campina Grande (PB) foi superada nas últimas três finais, sendo duas vezes pelo Botafogo e uma (a mais recente, em 2020) para o arquirrival Treze.

Na decisão, o Campinense terá pela frente o Sousa, que se classificou na terça-feira (1) ao derrotar o São Paulo Crystal por 1 a 0 no Marizão, em Sousa (PB), com gol do zagueiro Rony Lobo. Os finalistas aguardam as datas e horários das partidas serem anunciados pela Federação Paraibana de Futebol. Por ter realizado melhor campanha, o Dinossauro, que tenta o terceiro título estadual na história (o último foi em 2009), fará a segunda partida em casa.

Antes de pensar na decisão paraibana, Campinense e Sousa se concentram nas respectivas estreias pela Série D do Campeonato Brasileiro. O Dinossauro recebe o Atlético-CE no Marizão neste sábado (5), às 16h (horário de Brasília). No domingo (6), a Raposa pega o Caucaia-CE no Raimundão, em Caucaia (CE). Os times integram o Grupo 3 e se encontram na terceira e na 12ª rodadas.

Com a presença na final paraibana, tanto Campinense como Treze estão garantidos na próxima edição da Série D, caso não conquistem o acesso em 2021. Além do título estadual, o vencedor da decisão assegura vaga na fase de grupos da Copa do Nordeste do ano que vem.

Escrito por:

Agência Brasil